BOLSA PERMANÊNCIA PROJETOS HOMOLOGADOS CIÊNCIAS AGRÁRIAS

November 7, 2018 | Author: Victor Gabriel Bergmann Martini | Category: N/A
Share Embed Donate


Short Description

Download BOLSA PERMANÊNCIA PROJETOS HOMOLOGADOS CIÊNCIAS AGRÁRIAS...

Description

BOLSA PERMANÊNCIA – PROJETOS HOMOLOGADOS CIÊNCIAS AGRÁRIAS Título do Plano de Trabalho

Título do Projeto

Orientador

Situação

IMPLICAÇÕES DAS LESÕES ENCONTRADAS EM LINFONODOS DE CÃES COM LEISCHMANIA EM 1 ARAGUAÍNA ? TO

IMPLICAÇÕES DAS LESÕES ENCONTRADAS EM LINFONODOS E SNC EM CÃES COM LEISCHMANIA EM ARAGUAÍNA ? TO

ADRIANO TONY RAMOS

HOMOLOGADO

EFEITOS DA EXPOSIÇÃO AGUDA E SUBAGUDA AO ORGANOFOSFORADO TRICLORFON SOBRE O COMPORTAMENTO DE PEIXES DA ESPÉCIE 2 POECILIA RETICULATA EFICIÊNCIA SIMBIÓTICA DE ISOLADOS DE RIZÓBIO SELECIONADOS INOCULADOS EM FEIJÃO CAUPI SOB CONDIÇÕES DE SOLO EM CASA DE 3 VEGETAÇÃO E CAMPO. TESTE DE INFECTIVIDADE POR RIZÓBIO ORIUNDOS DE AMOSTRAS DE SOLOS COLETADAS EM DIVERSAS REGIÕES NO TOCANTINS ISOLAMENTO E CARACTERIZAÇÃO FENOTÍPICA E FISIOLÓGICA 4 OS ISOLADOS OBTIDOS

EFEITOS DA EXPOSIÇÃO AGUDA E SUBAGUDA AO ORGANOFOSFORADO TRICLORFON SOBRE O COMPORTAMENTO DE PEIXES DA ESPÉCIE POECILIA RETICULATA

ALBERTO YIM JUNIOR

HOMOLOGADO

SELEÇÃO E CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS E ECOLÓGICAS DE RIZÓBIOS ISOLADOS DE SOLOS DO CERRADO NO TOCANTINS

ALOÍSIO FREITAS CHAGAS JÚNIOR

HOMOLOGADO

ALOÍSIO FREITAS CHAGAS JÚNIOR

HOMOLOGADO

SELEÇÃO E CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS E ECOLÓGICAS DE RIZÓBIOS ISOLADOS DE SOLOS DO CERRADO NO TOCANTINS POPULARIZANDO A CIÊNCIA ANIMAL NA AMAZÔNIA: ESTUDO DAS PERSPECTIVAS DE VIDA DOS ESTUDANTES DA ZONA RURAL E CARACTERIZAÇÃO DA FLORA E FAUNA PLANO DE TRABALHO - ELIS REGINA DE QUEIROZ SILVESTRES COMO INCENTIVO À EDUCAÇÃO 5 VIEIRA AMBIENTAL AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICAAVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICABROMATOLOGICA E FERMENTATIVA DE BROMATOLOGICA E FERMENTATIVA DE SILAGENS SILAGENS DE CAPIM-ELEFANTE (PENNISETUM DE CAPIM-ELEFANTE (PENNISETUM PURPUREUM PURPUREUM SCHUM) (160 DIAS) ADITIVADAS 6 SCHUM) (160 DIAS) ADITIVADAS COM GLICEROL COM GLICEROL AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOAVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOBROMATOLÓGICA DE SILAGENS DE CAPIM BROMATOLÓGICA DE SILAGENS DE CAPIM ELEFANTE (PENNISETUM PURPUREUM SCHUM) (30 DIAS) CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE ELEFANTE (PENNISETUM PURPUREUM SCHUM) (30 7 DIAS) CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE GLICEROL GLICEROL AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOBROMATOLÓGICA DE SILAGENS DE MILHETO 8 CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE GLICEROL

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOBROMATOLÓGICA DE SILAGENS DE MILHETO CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE GLICEROL

ANA CLÁUDIA GOMES RODRIGUES NEIVA

ANA CRISTINA HOLANDA FERREIRA

ANA CRISTINA HOLANDA FERREIRA ANA CRISTINA HOLANDA FERREIRA

NÃO HOMOLOGADO Plano de atividades em desacordo com item 4.2 do edital NÃO HOMOLOGADO Projeto e Plano de atividades em desacordo com itens 4.1 e 4.2 do edital

HOMOLOGADO

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOBROMATOLÓGICA DE SILAGENS DO CAPIM MOMBAÇA (PANICUM MAXIMUM ) CONTENDO 9 DIFERENTES NÍVEIS DE GLICEROL

PROCESSAMENTO E AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE DA GELÉIA MISTA DE CARAMBOLA (AVERRHOA CARAMBOLA L.) E MARACUJÁ 11 (PASSIFLORA EDULIS F. FLAVICARPA) PROCESSAMENTO E ACEITABILIDADE DE BEBIDA MISTA DE EXTRATO ?LEITE? DE BABAÇU (ORBYGNIA SPECIOSA) E DE CASTANHA-DO12 BRASIL (BERTHOLLETIA EXCELSA)

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO QUÍMICOANA CRISTINA BROMATOLÓGICA DE SILAGENS DO CAPIM MOMBAÇA (PANICUM MAXIMUM ) HOLANDA FERREIRA CONTENDO DIFERENTES NÍVEIS DE GLICEROL MANEJO DIAGNÓSTICO E UTILIZAÇÃO DE ÁREAS DE CERRADO-AMAZÔNIA: ALTERNATIVAS VISANDO A CONSERVAÇÃO DO ANTONIO SOLO PRESERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE E CLEMENTINO DOS PRODUTIVIDADE. SANTOS PROCESSAMENTO E AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE DA GELÉIA MISTA DE CARAMBOLA (AVERRHOA CARAMBOLA L.) E MARACUJÁ (PASSIFLORA EDULIS F. AROLDO ARÉVALO FLAVICARPA) PINEDO PROCESSAMENTO E ACEITABILIDADE DE BEBIDA MISTA DE EXTRATO ?LEITE? DE BABAÇU AROLDO ARÉVALO (ORBYGNIA SPECIOSA) E DE CASTANHA-DOBRASIL (BERTHOLLETIA EXCELSA) PINEDO

ACOMPANHAMENTO DO CULTIVO DE COGUMELOS EM DIFERENTES RSÍDUOS 13 AGRICOLAS

CULTIVO E CARACTERIZAÇÃO DE COGUMELOS EM DIFERENTES RESÍDUOS AGRÍCOLAS

AUGUSTUS CAESER FRANKE PORTELLA

CULTIVO E CARACTERIZAÇÃO DE COGUMELOS EM DIFERENTES RESÍDUOS AGRÍCOLAS RESPOSTA DE ACESSOS DE ANDROPOGON À ESTRESSE DE FÓSFORO RESPOSTA DE ACESSOS DE BRACHIARIA À TOLERÂNCIA AO ALUMÍNIO AVALIAÇÃO MICROBIOLÓGICA DE AMOSTRAS ZOOTÉCNICAS ? SILAGEM ÁGUA E RAÇÃO

AUGUSTUS CAESER FRANKE PORTELLA AURELIO VAZ DE MELO AURELIO VAZ DE MELO CAROLINE PETERS PIGATTO DE NARDI

AVALIAÇÃO MICROBIOLÓGICA DE AMOSTRAS ZOOTÉCNICAS ? SILAGEM ÁGUA E RAÇÃO

CAROLINE PETERS PIGATTO DE NARDI

HOMOLOGADO

EDUARDO ANDREA LEMUS ERASMO

HOMOLOGADO

EDUARDO ANDREA LEMUS ERASMO

HOMOLOGADO

FLUXO DE DEPOSIÇÃO DA MATÉRIA ORGÂNICA E DO RETORNO DE NUTRIENTES EM SOLO 10 CULTIVADO EM DIFERENTES SISTEMAS DE MANEJO

14 CULTIVO E CARACTERIZAÇÃO DE COGUMELOS RESPOSTA DE ACESSOS DE ANDROPOGON À 15 ESTRESSE DE FÓSFORO RESPOSTA DE ACESSOS DE BRACHIARIA À 16 TOLERÂNCIA AO ALUMÍNIO AVALIAÇÃO MICROBIOLÓGICA DE AMOSTRAS 17 ZOOTÉCNICAS - SILAGEM ÁGUA E RAÇÃO PLANO N.2 AVALIAÇÃO MICROBIOLÓGICA DE AMOSTRAS ZOOTÉCNICAS - SILAGEM ÁGUA E 18 RAÇÃO TOLERÂNCIA INICIAL DE PLANTAS DE PINHÃO MANSO (JATROPHA CURCAS) A HERBICIDAS 19 APLICADOS EM PÓS -EMERGÊNCIA EFEITO DA COMPETIÇÃO DE BRACHIARIA BRIZANTHA E PASPALUM VIRGATUM SOB 20 DIFERENTES DENSIDADES

TOLERÂNCIA INICIAL DE PLANTAS DE PINHÃO MANSO (JATROPHA CURCAS) A HERBICIDAS APLICADOS EM PÓS -EMERGÊNCIA EFEITO DA COMPETIÇÃO DE BRACHIARIA BRIZANTHA E PASPALUM VIRGATUM SOB DIFERENTES DENSIDADES

HOMOLOGADO

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital NÃO HOMOLOGADO Projeto e Plano de atividades em desacordo com itens 4.1 e 4.2 do edital NÃO HOMOLOGADO Não foi anexado o Plano de atividades HOMOLOGADO HOMOLOGADO HOMOLOGADO

SELETIVIDADE DE HERBICIDAS PÓS-EMERGÊNTES NA CULTURA DE AÇAI (EUTERPE OLERACEAE 21 MART.)

SELETIVIDADE DE HERBICIDAS PÓS-EMERGÊNTES NA CULTURA DE AÇAI (EUTERPE OLERACEAE EDUARDO ANDREA MART.) LEMUS ERASMO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS NO TEMARIO DA 22 GEOGRAFIA E TERRITORIO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS UMA NOVA POSSIBILIDADE PARA ENSINAR GEOGRAFIA COM O TEMARIO DO TERRITORIO USADO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS NO TEMARIO DA 23 GEOGRAFIA E TERRITORIO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS UMA NOVA POSSIBILIDADE PARA ENSINAR GEOGRAFIA COM O TEMARIO DO TERRITORIO USADO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS NO TEMARIO DA 24 GEOGRAFIA E TERRITORIO

CANTOS DE PRETOS E CONGOS UMA NOVA POSSIBILIDADE PARA ENSINAR GEOGRAFIA COM O TEMARIO DO TERRITORIO USADO

HOMOLOGADO NÃO HOMOLOGADO Projeto e Plano de atividades em desacordo com itens 4.1 e 4.2 do edital ELIZEU RIBEIRO LIRA NÃO HOMOLOGADO Projeto e Plano de atividades em desacordo com itens 4.1 e 4.2 do edital ELIZEU RIBEIRO LIRA NÃO HOMOLOGADO Projeto e Plano de atividades em desacordo com itens 4.1 e 4.2 do edital ELIZEU RIBEIRO LIRA

ISOLAMENTO DE BACTÉRIAS ANAERÓBIAS DAS LAGOAS DE ESTABILIZAÇÃO DE ÁGUAS 25 RESIDUÁRIAS DO MATADOURO DE GURUPI-TO ESTUDO BIOMÉTRICO DAS VILOSIDADES INTESTINAIS EM FRANGOS DE CORTE INFECTADOS EXPERIMENTALMENTE COM OOCISTOS ESPORULADOS DE EIMERIA MAXIMA 26 (APICOMPLEXA: EIMERIIDAE)

ÁGUAS RESIDUÁRIAS DO MATADOURO BOVINO DE GURUPI-TO: PRODUÇÃO RECUPERAÇÃO E CONVERSÃO DE BIOGÁS EM ENERGIA

EZEQUIEL MARCELINO DA SILVA

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E FISIOPATOLÓGICA DA COCCIDIOSE EM ANIMAIS DOMÉSTICOS DA MICRORREGIÃO DE ARAGUAÍNA ESTADO DO TOCANTINS BRASIL

FAGNER LUIZ DA COSTA FREITAS

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO ZOOTÉCNICA EM FRANGOS DE CORTE INFECTADOS EXPERIMENTALMENTE COM OOCISTOS ESPORULADOS DE EIMERIA MAXIMA 27 (APICOMPLEXA: EIMERIIDAE)

AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E FISIOPATOLÓGICA DA COCCIDIOSE EM ANIMAIS DOMÉSTICOS DA MICRORREGIÃO DE ARAGUAÍNA ESTADO DO TOCANTINS BRASIL

FAGNER LUIZ DA COSTA FREITAS

HOMOLOGADO

ESPÉCIES DE CESTÓDEOS PARASITOS DE PACAS (AGOUTI PACA) PROCEDENTES DA AMAZÔNIA 28 BRASILEIRA AVALIAÇÃO DE CULTIVARES COMERCIAIS DE MILHO SOB ALTO E BAIXO NITROGÊNIO NA 29 SAFRA 2010/2011 AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS PARA MILHO VERDE SOB ALTO E BAIXO NITROGÊNIO NA SAFRA 30 2010/2011

FAUNA HELMINTOLÓGICA DE PACAS (AGOUTI PACA RODENTIA: AGOUTIDAE) PROCEDENTES DA AMAZÔNIA BRASILEIRA

FAGNER LUIZ DA COSTA FREITAS

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO E OBTENÇÃO DE CULTIVARES DE MILHO NO TOCANTINS

FLAVIO SÉRGIO AFFÉRRI

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO E OBTENÇÃO DE CULTIVARES DE MILHO NO TOCANTINS

FLAVIO SÉRGIO AFFÉRRI

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO DO CONSUMO DIGESTIBILIDADE E PARÂMETROS SANGUÍNEOS DE OVINOS 31 CONSUMINDO TORTA DE BABAÇU AVALIAÇÃO DO CONSUMO DIGESTIBILIDADE E PARÂMETROS SANGUÍNEOS DE OVINOS 32 CONSUMINDO FARINHA AMILÁCEA II AVALIAÇÃO DO CONSUMO DIGESTIBILIDADE E PARÂMETROS SANGUÍNEOS DE OVINOS 33 CONSUMINDO FARINHA AMILÁCEA I

INCLUSÃO DAS FARINHAS AMILÁEAS E DA TORTA DE BABAÇU EM DIETA PARA OVINOS

GILBERTO DE LIMA MACEDO JUNIOR

HOMOLOGADO

INCLUSÃO DAS FARINHAS AMILÁEAS E DA TORTA DE BABAÇU EM DIETA PARA OVINOS

GILBERTO DE LIMA MACEDO JUNIOR

HOMOLOGADO

GILBERTO DE LIMA MACEDO JUNIOR

HOMOLOGADO

GLAUCIA ELIZA GAMA VIEIRA

HOMOLOGADO

HELCILEIA DIAS SANTOS

HOMOLOGADO

HELCILEIA DIAS SANTOS

HOMOLOGADO

INCLUSÃO DAS FARINHAS AMILÁEAS E DA TORTA DE BABAÇU EM DIETA PARA OVINOS ATIVIDADES DE SECRETARIADO COLETA ATIVIDADES DE SECRETARIADO COLETA E RECEBIMENTO E ENVIO DE AMOSTRAS NO LEDBIO 34 RECEBIMENTO E ENVIO DE AMOSTRAS AVALIAÇÃO DOS FATORES DE RISCO FATORES ASSOCIADOS A SOROPOSITIVIDADE ENVOLVIDOS NA TRANSMISSÃO DAS PARA LEISHMANIOSE VISCERAL CANINA NA LEISHMANIOSES NA REGIÃO DE ARAGUAÍNA 35 CIDADE DE ARAGUAÍNA-TO. TOCANTINS. AVALIAÇÃO DOS FATORES DE RISCO LEVANTAMENTO DE FATORES ASSOCIADOS A ENVOLVIDOS NA TRANSMISSÃO DAS LEISHMANIOSE VISCERAL HUMANA NO MUNICÍPIO LEISHMANIOSES NA REGIÃO DE ARAGUAÍNA TOCANTINS. 36 DE ARAGUAÍNA-TO. COMPORTAMENTO DE CULTIVARES DE SOJA QUANTO AO RENDIMENTO DE ÓLEO PARA 37 PRODUÇÃO NO ESTADO DO TOCANTINS

COMPORTAMENTO DE CULTIVARES DE SOJA QUANTO AO RENDIMENTO DE ÓLEO PARA PRODUÇÃO NO ESTADO DO TOCANTINS

JOÊNES MUCCI PELUZIO

HOMOLOGADO

COMPORTAMENTO DE CULTIVARES DE SOJA QUANTO AO RENDIMENTO DE PROTEÍNA PARA 38 PRODUÇÃO NO ESTADO DO TOCANTINS

COMPORTAMENTO DE CULTIVARES DE SOJA QUANTO AO RENDIMENTO DE PROTEÍNA PARA PRODUÇÃO NO ESTADO DO TOCANTINS.

JOÊNES MUCCI PELUZIO

HOMOLOGADO

TIPOS GENÉTICOS DE GALINHAS CAIPIRAS COMERCIALIZADOS NO MUNICIPIO DE 39 ARAGUAÍNA TOCANTINS FRAÇÃO LEVE DA MATÉRIA ORGÂNICA E QUALIDADE FÍSICA DO SOLO ASSOCIADA AO 40 MANEJO DE PASTAGENS EM TOCANTINS

TIPOS GENÉTICOS DE GALINHAS CAIPIRAS COMERCIALIZADOS NO MUNICIPIO DE ARAGUAÍNA TOCANTINS

JORGE LUIS FERREIRA

HOMOLOGADO

INDICADORES DE QUALIDADE DO SOLO ASSOCIADOS AO MANEJO DE PASTAGENS

JOSE GERALDO DONIZETTI DOS SANTOS

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

INDICADORES QUÍMICOS DE QUALIDADE DO SOLO ASSOCIADOS AO MANEJO DE PASTAGENS 41 EM TOCANTINS

INDICADORES DE QUALIDADE DO SOLO ASSOCIADOS AO MANEJO DE PASTAGENS

JOSE GERALDO DONIZETTI DOS SANTOS

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

AVALIAÇÃO BIO-ECONÔMICA DE DIETAS PARA 42 VACAS LEITEIRAS

AVALIAÇÃO BIOECONÔMICA DE FARINHA AMILÁCEA DO BABAÇU (ORBYGNIA SPECIOSA) NA ALIMENTAÇÃO DE VACAS LEITEIRAS

JOSE NEUMAN MIRANDA NEIVA

HOMOLOGADO

DETERMINAÇÃO DA SOROPOSITIVIDADE PARA BRUCELLA ABORTUS NOS REBANHOS OVINOS PERTECENTES AO MUNICÍPIO DE COLINAS 43 ESTADO DO TOCANTINS BRASIL

DETERMINAÇÃO DA SOROPOSITIVIDADE PARA BRUCELOSE NOS REBANHOS OVINOS PERTENCENTES AO MUNICÍPIO DE COLINAS ESTADO DO TOCANTINS BRASIL

DISTRIBUIÇÃO DE ANTICORPOS CONTRA O VÍRUS DA DIARREIA VIRAL BOVINA TIPO 1 (BVDV-1) EM BEZERROS PROCEDENTES DE PROPRIEDADES DA 44 REGIÃO DE ARAGUAÍNA TOCANTINS

DISTRIBUIÇÃO DE ANTICORPOS CONTRA O VÍRUS DA DIARREIA BOVINA (BVDV) EM BEZERROS PROCEDENTES DE PROPRIEDADES DA REGIÃO DE ARAGUAÍNA TOCANTINS DESEMPENHO PRODUTIVO DE AVES DO TIPO CAIPIRAS ALIMENTADAS COM DIETAS A BASE DE MILHO E SOJA COM NÍVEIS CRESCENTES DE INCLUSÃO DA TORTA DE DENDÊ (ELAEIS GUINEENSIS JAC.) DESEMPENHO PRODUTIVO DE AVES DO TIPO CAIPIRAS ALIMENTADAS COM DIETAS A BASE DE MILHO E SOJA COM NÍVEIS CRESCENTES DE INCLUSÃO DA TORTA DE DENDÊ (ELAEIS GUINEENSIS JAC.) VARIABILIDADE DA ADUBAÇÃO MOLÍBDICA NA CULTURA DO FEIJOEIRO.

INCLUSÃO DE TORTA DE DENDÊ EM RAÇÕES DE CRESCIMENTO (31 A 90 DIAS DE IDADE) DE 45 FRANGO CAIPIRA LABEL ROUGE

INCLUSÃO DE TORTA DE DENDÊ EM RAÇÕES 46 INICIAIS DE FRANGO CAIPIRA VARIABILIDADE DA ADUBAÇÃO MOLÍBDICA NA 47 CULTURA DO FEIJOEIRO. AVALIAÇÃO DA PREFERÊNCIA E ACESSO AO COCHO POR ANIMAIS DE DIFERENTES POSIÇÕES 48 SOCIAIS AVALIAÇÃO DA QUALIDADE FISCIO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DO LEITE IN NATURA FORNECIDO AOS LATICÍNIOS DA REGIÃO SUL DO 49 ESTADO DO TOCANTINS

KATYANE DE SOUSA ALMEIDA

HOMOLOGADO

KATYANE DE SOUSA ALMEIDA

HOMOLOGADO

KENIA FERREIRA RODRIGUES

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

KENIA FERREIRA RODRIGUES MANOEL MOTA DOS SANTOS MARCELA CRISTINA AGUSTINI CARNEIRO DA SILVEIRA MARCELA CRISTINA AGUSTINI CARNEIRO DA SILVEIRA

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital HOMOLOGADO

PROGRAMA DE VISITAÇÃO À USINA EXPERIMENTAL DE PRODUÇÃO DE ETANOL VISANDO A INTEGRAÇÃO ENTRE SOCIEDADE E 50 AMBIENTE INSTITUCIONAL

COMPORTAMENTO ALIMENTAR DE BOVINOS: PREFERÊNCIA E ACESSO A DOIS TIPOS DE COCHO IDENTIFICAÇÃO DOS FATORES CAUSADORES DE ACIDEZ EM LEITE IN NATURA FORNECIDO AOS LATICÍNIOS DA REGIÃO SUL DO ESTADO DO TOCANTINS INOVAÇÃO DIFUSÃO TECNOLÓGICA E INTEGRAÇÃO ENTRE SOCIEDADE E AMBIENTE INSTITUCIONAL ATRAVÉS DE PROGRAMAS DE VISITAÇÃO À USINA EXPERIMENTAL DE PRODUÇÃO DE ETANOL ATRAVÉS DA BATATADOCE.

MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS DE CLONES DE BATATA DOCE PROVENIENTES DO BANCO DE GERMOPLASMA 51 DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE CLONES DE BATATA-DOCE COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ETANOL NAS CONDIÇÕES DO ESTADO DO TOCANTINS

MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA

HOMOLOGADO

HOMOLOGADO

HOMOLOGADO

QUANTIFICAÇÃO DO RENDIMENTO DE ETANOL EM CLONES DE BATATA-DOCE SELECIONADOS 52 NAS CONDIÇÕES DO ESTADO DO TOCANTINS AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE ACESSO DE BATATA DOCE (IPOMOEA BATATAS (L) LAM) QUANTO A PRODUTIVIDADE E CAPACIDADE DE 53 BIOCONVERSÃO DE AMIDO EM ETANOL AVALIAÇÃO DE ELEMENTOS FÍSICO-QUÍMICOS DE CLONES DE BATATA-DOCE (IPOMOEA BATATAS (L.) LAM.) E INFLUÊNCIA NA PRODUÇÃO DE 54 ETANOL

AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE CLONES DE BATATA-DOCE COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ETANOL NAS CONDIÇÕES DO ESTADO DO TOCANTINS AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE CLONES DE BATATA-DOCE COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ETANOL NAS CONDIÇÕES DO ESTADO DO TOCANTINS AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE CLONES DE BATATA-DOCE COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ETANOL NAS CONDIÇÕES DO ESTADO DO TOCANTINS

55 VIVEIROS FLORESTAIS

VIVEIROS FLORESTAIS

PROPOSTA DE RECUPERAÇÃO DA ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE DO CÓRREGO 56 ÁGUA FRANCA NO MUNICÍPIO DE GURUPI ? TO O USO DO COMPUTADOR E SOFTWARES LIVRES COMO AGENTE FACILITADOR NAS AULAS DE 57 CÁLCULO NUMÉRICO O USO DO COMPUTADOR E SOFTWARES LIVRES COMO AGENTE FACILITADOR NAS AULAS DE 58 CÁLCULO NUMÉRICO

LEVANTAMENTO FITOSSOCIOLÓGICO DA ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE DO CÓRREGO ÁGUA FRANCA NO MUNICÍPIO DE GURUPI ? TO

PESQUISA

PESQUISA

MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA

HOMOLOGADO

MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA

HOMOLOGADO

MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA MARIA CRISTINA BUENO COELHO

MARIA CRISTINA BUENO COELHO PAULO ALEXANDRE OLIVEIRA PAULO ALEXANDRE OLIVEIRA

HOMOLOGADO NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital NÃO HOMOLOGADO Plano de atividades em desacordo com item 4.2 do edital

HOMOLOGADO

HOMOLOGADO

CONTROLE BIOLÓGICO DE ÁCAROS-PRAGA DE PINHÃO-MANSO (JATROPHA CURCAS) NO 59 ESTADO DO TOCANTINS DESEMPENHO DE FRANGOS DE CORTE INDUSTRIAL NA FASE INCIAL (1 A 21 DIAS DE IDADE) SUBMETIDOS A REGIME ALIMENTAR COM NÍVEIS CRESCENTES DE INCLUSÃO DE FARINHA 60 AMILÁCEA FINA

CONTROLE BIOLÓGICO DE ÁCAROS-PRAGA DE PINHÃO-MANSO (JATROPHA CURCAS) NO ESTADO DO TOCANTINS

RENATO DE ALMEIDA SARMENTO

HOMOLOGADO

AVALIAÇÃO DE SUBPRODUTOS DO BABAÇU (PALMAE ORBIGNYA MARTIANA) EM RAÇÕES DE PRANGOS DE CORTE DE DIFERENTES LINHAGENS

ROBERTA GOMES MARCAL VIEIRA VAZ

HOMOLOGADO

DESEMPENHO DE FRANGOS DE CORTE INDUSTRIAL NA FASE INCIAL (1 A 21 DIAS DE IDADE) SUBMETIDOS A REGIME ALIMENTAR COM NÍVEIS 61 CRESCENTES DE INCLUSÃO DE TORTA DE BABAÇU

AVALIAÇÃO DE SUBPRODUTOS DO BABAÇU (PALMAE ORBIGNYA MARTIANA) EM RAÇÕES DE PRANGOS DE CORTE DE DIFERENTES LINHAGENS

ROBERTA GOMES MARCAL VIEIRA VAZ

HOMOLOGADO

EFICIÊNCIA NO USO DE NITROGÊNIO DE GENÓTIPOS DE ARROZ EM SOLOS DE TERRAS 62 ALTAS DO ESTADO DO TOCANTINS

EFICIÊNCIA NO USO DE NITROGÊNIO DE GENÓTIPOS DE ARROZ EM SOLOS DE TERRAS ALTAS DO ESTADO DO TOCANTINS

RODRIGO RIBEIRO FIDELIS

HOMOLOGADO

CARACTERIZAÇÃO QUANTITATIVA DA PRODUÇÃO DE SUBSTÂNCIAS HÚMICAS EM COMPOSTOS ORGÂNICOS PRODUZIDOS A PARTIR DA FRAÇÃO SÓLIDA DA ÁGUA RESIDUÁRIA DA 63 BOVINOCULTURA AVALIAÇÃO DE SUBSTRATOS ALTERNATIVOS PARA 64 PRODUÇÃO DE MUDAS DE PIMENTÃO AVALIAÇÃO DE FERTILIZANTES ORGANOMINERAIS NO DESENVOLVIMENTO DE PANICUM MAXIMUM CV. MOMBAÇA NA REGIÃO SUDESTE DA 65 AMAZÔNIA LEGAL CARACTERIZAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO E DA PRODUÇÃO DE PROGÊNIES DE CAJUEIRO (ANACARDIUM OCCIDENTALE L.) ANÃO PRECOCE NAS CONDIÇÕES EDAFOCLIMÁTICAS 66 DO TOCANTINS

AVALIAÇÃO DO ESTRESSE HÍDRICO EM PROGÊNIES DE CAJUEIRO (ANACARDIUM OCCIDENTALE L.) ANÃO PRECOCE NAS 67 CONDIÇÕES EDAFOCLIMÁTICAS DO TOCANTINS PRODUÇÃO DE MUDAS DE CAJUEIRO ANÃO PRECOCE NA REGIÃO SUL DO ESTADO DO 68 TOCANTINS PROJETO DE APOIO AO PROGRAMA DE AVALIAÇÃO DO CURSO DE BACHARELADO EM 69 ZOOTECNIA TECNOLOGIA DE EMBRIÕES EM OVINOS DAS 70 RAÇAS DORPER E SANTA INÊS EFEITO DO SUBSTRATO NA PRODUÇÃO DO ORÉGANO (ORIGANUM VULGARE) CULTIVADO 71 EM PALMAS-TO EFEITO DO SUBSTRATO SOBRE O ENRAIZAMENTO DE ESTACAS DE HORTELÃ-JAPONESA (MENTHA 72 ARVENSIS L.) CULTIVADAS EM PALMAS-TO

CARACTERIZAÇÃO QUANTITATIVA DE SUBSTÂNCIAS HÚMICAS EM COMPOSTOS ORGÂNICOS PRODUZIDOS A PARTIR DA FRAÇÃO SÓLIDA DA ÁGUA RESIDUÁRIA DA BOVINOCULTURA

RUBENS RIBEIRO DA SILVA

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

NÃO HOMOLOGADO AVALIAÇÃO DE SUBSTRATOS ALTERNATIVOS RUBENS RIBEIRO DA Não foi anexado Plano de PARA PRODUÇÃO DE MUDAS DE PIMENTÃO SILVA atividades AVALIAÇÃO DE FERTILIZANTES NÃO HOMOLOGADO ORGANOMINERAIS NO DESENVOLVIMENTO DE Projeto em desacordo PANICUM MAXIMUM CV. MOMBAÇA NA RUBENS RIBEIRO DA REGIÃO SUDESTE DA AMAZÔNIA LEGAL SILVA com item 4.1 do edital CARACTERIZAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DO ESTRESSE HÍDRICO DE PROGÊNIES DE CAJUEIRO (ANACARDIUM OCCIDENTALE L.) ANÃO PRECOCE NAS CONDIÇÕES EDAFOCLIMÁTICAS DO SUSANA CRISTINE TOCANTINS SIEBENEICHLER HOMOLOGADO CARACTERIZAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DO ESTRESSE HÍDRICO DE PROGÊNIES DE CAJUEIRO (ANACARDIUM OCCIDENTALE L.) ANÃO PRECOCE NAS CONDIÇÕES EDAFOCLIMÁTICAS DO SUSANA CRISTINE TOCANTINS SIEBENEICHLER HOMOLOGADO PRODUÇÃO DE MUDAS DE CAJUEIRO ANÃO SUSANA CRISTINE PRECOCE NA REGIÃO SUL DO ESTADO DO TOCANTINS SIEBENEICHLER HOMOLOGADO PROJETO DE APOIO AO PROGRAMA DE NÃO HOMOLOGADO AVALIAÇÃO DO CURSO DE BACHARELADO EM SUSANA QUEIROZ Projeto em desacordo ZOOTECNIA SANTOS MELLO com item 4.1 do edital TECNOLOGIA DE EMBRIÕES EM OVINOS DAS RAÇAS DORPER E SANTA INÊS ESTUDOS FITOTÉCNICOS DA HORTELÃ (MENTHA SPP.) E ORÉGANO (ORIGANUM VULGARE L.) PARA ESTABELECER UM SISTEMA DE PRODUÇÃO EM PALMAS-TO ESTUDOS FITOTÉCNICOS DA HORTELÃ (MENTHA SPP.) E ORÉGANO (ORIGANUM VULGARE L.) PARA ESTABELECER UM SISTEMA DE PRODUÇÃO EM PALMAS-TO

TANIA VASCONCELOS CAVALCANTE

NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

VALÉRIA GOMES MOMENTÉ

HOMOLOGADO

VALÉRIA GOMES MOMENTÉ

HOMOLOGADO

HISTOPATOLOGIA DE AMOSTRAS DE RATAS SUBMETIDAS AO CONSUMO DE PSYCHOTRIA 73 COLORATA TOXICIDADE DE PSYCHOTRIA COLORATA SOBRE 74 PARÂMETROS BIOQUÍMICOS DE RATAS

TOXICIDADE DE PLANTAS DA AMAZÔNIA ORIENTAL SOBRE A REPRODUÇÃO TOXICIDADE DE PLANTAS DA AMAZÔNIA ORIENTAL SOBRE A REPRODUÇÃO

VIVIANE MAYUMI MARUO VIVIANE MAYUMI MARUO

AVALIAÇÕES AGRONOMICAS DE QUATORZE CULTIVARES DE CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO 75 SUL DO ESTADO DO TOCANTINS

AVALIAÇÕES AGRONOMICAS DE QUATORZE CULTIVARES DE CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO WILSON FERREIRA SUL DO ESTADO DO TOCANTINS DE OLIVEIRA ESTUDO DAS PROPRIEDADES TERMOFÍSICAS ESTUDO DAS PROPRIEDADES TERMOFÍSICAS DAS DAS POLPAS DE ARATICUM (ANNONA POLPAS DE ARATICUM (ANNONA CRASSIFLORA CRASSIFLORA MART) E BURITI (MAURITIA ZILDA DORATIOTTO MART) E BURITI (MAURITIA FLEXUOSA) EM FUNÇÃO FLEXUOSA) EM FUNÇÃO DA TEMPERATURA E DE SALLES SÓLIDOS SOLÚVEIS ARÉVALO 76 DA TEMPERATURA E SÓLIDOS SOLÚVEIS FORMULAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO DOCE FORMULAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO DOCE EM EM MASSA DE POLPA DE BURITI (MAURITIA 77 MASSA DE POLPA DE BURITI (MAURITIA FLEXUOSA). FLEXUOSA).

ZILDA DORATIOTTO DE SALLES ARÉVALO

HOMOLOGADO HOMOLOGADO

HOMOLOGADO

HOMOLOGADO NÃO HOMOLOGADO Projeto em desacordo com item 4.1 do edital

View more...

Comments

Copyright © 2017 SLIDEX Inc.
SUPPORT SLIDEX