Como Exportar Turquia

November 25, 2016 | Author: Geovane Bandeira Tomé | Category: N/A
Share Embed Donate


Short Description

Download Como Exportar Turquia...

Description

Como Exportar Turquia entre

Ministério das Relações Exteriores Departamento de Promoção Comercial Divisão de Informação Comercial

Como Exportar



Turquia

Sumário

INTRODUÇÃO......................................................... 2 MAPA...................................................................... 4 DADOS BÁSICOS.................................................... 5 I1. 2. 3. 4. 5.

ASPECTOS GERAIS............................................. 6 Geografia............................................................6 População, centros urbanos e nível de vida..............8 Transportes e comunicações................................ 11 Estrutura política e administrativa......................... 16 Organizações e acordos internacionais.................. 18

II - ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS.................... 19 1. Conjuntura econômica........................................ 19 2. Principais setores de atividade............................. 21 3. Moeda e finanças............................................... 25 III – COMÉRCIO EXTERIOR.................................. 28 1. Evolução recente................................................ 28 2. Direção............................................................. 29 3. Composição ...................................................... 31 IV 1. 2. 3. 3.

- RELAÇÕES ECONÔMICAS BRASIL-TURQUIA... 35 Intercâmbio comercial bilateral............................ 35 Investimentos bilaterais...................................... 40 Linhas de crédito de bancos brasileiros.................. 40 Principais acordos econômicos com o Brasil............ 40

VI - ESTRUTURA DE COMERCIALIZAÇÃO.............. 51 1. Canais de distribuição......................................... 51 2. Promoção de vendas........................................... 53 3. Práticas comerciais............................................. 56 VII - RECOMEND. ÀS EMPRESAS BRASILEIRAS..... 58 1. Regimes especiais e uso de seus recursos associados......................................................... 58 2. Fontes de documentos estatísticos e tarifas aduaneiras......................................................... 59 3. Remessa de amostras e material publicitário.......... 59 4. Embarques........................................................ 59 5. Canais de distribuição adequados......................... 60 6. Promoção de produtos........................................ 60 7. Consultoria de “marketing”.................................. 61 8. Práticas comerciais............................................. 61 9. Designação de agentes ou de representantes e abertura de escritórios........................................ 61 10. Litígios e arbitragem comercial............................ 62 11. Viagens de negócios........................................... 62 12. Recomendações finais......................................... 63 ANEXOS................................................................ 64 I – ENDEREÇOS...................................................... 64 II. FRETES E COMUNICAÇÕES COM O BRASIL............. 81 III - INFORMAÇÕES PRÁTICAS.................................. 81 BIBLIOGRAFIA..................................................... 90

V - ACESSO AO MERCADO..................................... 41 1. Sistema tarifário................................................ 41 2. Regulamentação de importação............................ 43 3. Documentação e formalidades............................. 48 4. Regimes especiais............................................... 49

CRÉDITOS

Como Exportar Turquia

A União Européia (UE) e o Fundo Monetário Internacional (FMI) desempenharam papéis importantes na vida econômica e social da Turquia e, às vezes, tiveram efeito considerável na política nacional do país. A Turquia assinou diversos acordos stand-by com o FMI no passado. O último acordo tinha validade até o fim de maio de 2008. Embora o governo estivesse indeciso sobre a pertinência de estendê-lo ou assinar um novo acordo com o Fundo, a expectativa geral é que as relações existentes continuem por mais alguns anos, embora provavelmente não no formato stand-by. A disciplina fiscal é uma das prioridades do programa de estabilização apoiado pelo FMI desde que o último acordo foi assinado em 2001. Levando em consideração essa prioridade, a meta do superávit primário do PIB de 6,5% para o setor público tem importância primordial para dar confiabilidade ao programa de estabilização. Mas devido às despesas públicas adicionais do ano de eleição de 2007, a meta não foi alcançada e para 2008 ela foi fixada em 5,5% visando dar ao governo maior liberdade de ação para manter a taxa de crescimento no nível desejado. Para 2007, as metas macroeconômicas do governo estimaram a taxa de crescimento entre 4 a 4,5% e a taxa de inflação entre 8 a 8,5%. Para o ano 2008, a meta fixada para a taxa de crescimento e a taxa de inflação é de 5,1% e 4%, respectivamente. Segundo a avaliação de círculos econômicos, ambas as metas não são atingíveis devido à demanda doméstica e internacional reduzida e às políticas monetárias suavizadas. Os números do último trimestre de 2007 mostraram que a taxa de desemprego chegou a 10,1%. No mesmo período do ano anterior, a taxa de desemprego foi de 9,6%.

Sumário

O comércio externo e os déficits de conta corrente são outros dois importantes problemas na economia turca. Embora a Turquia tenha testemunhado um desenvolvimento muito importante das suas exportações, a taxa de aumento nas importações foi maior que a das exportações e essa situação gerou déficit no comércio externo e na conta corrente. O déficit da balança comercial estrangeira em 2007 foi de 63 bilhões de dólares e espera-se que aumente para 68-70 bilhões de dólares em 2008. O déficit de conta corrente, que era de 32 bilhões de dólares em 2006, alcançou 38 bilhões de dólares em 2007 e um déficit de 40-42 bilhões de dólares é esperado para 2008. Para a Turquia, tornar-se membro pleno da UE é considerado um passo muito importante para o crescimento econômico, a prosperidade e a integração completa com o mercado mundial. Aproximadamente 55% das receitas da exportação e 40-45% de importações turcas são oriundas da UE. Quase 3 milhões de trabalhadores são empregados pela UE e as remessas dos trabalhadores alcançaram o nível de 3 bilhões de dólares por ano. Dois terços dos investimentos estrangeiros vêm da Europa e três quartos dos turistas que visitam a Turquia são oriundos dos países membros da UE. Os investimentos estrangeiros diretos são percebidos como uma ferramenta muito significativa para cumprir com as exigências relativas a divisas estrangeiras e financiamento do atual déficit de conta corrente. A Turquia tem sido bem sucedida a esse respeito. Nos últimos três anos, os investimentos estrangeiros diretos foram de 20 bilhões de dólares por ano, comparados com os 2-3 bilhões de dólares durante o período de 2001-2005. Esse crescimento representa uma interessante oportunidade para que os brasileiros invistam na Turquia. O volume comercial bilateral ou, em um sentido maior, o nível de relações econômicas entre a Turquia e o Brasil não reflete o real potencial devido à distância geográfica e à falta de informação sobre as possibilidades e as exigências de ambos os países.

INTRODUÇÃO

INTRODUÇÃO



Como Exportar Turquia

 Sumário

Os homens de negócios brasileiros devem pensar na Turquia como um país com considerável potencial de crescimento, um mercado dinâmico, uma base regional para negócios internacionais e um sócio de confiança na região.

INTRODUÇÃO

O presente relatório foi preparado com o objetivo de fornecer informações concisas sobre diversos setores da Turquia, visando ajudar aos empresários brasileiros interessados em fazer negócios na Turquia.

Como Exportar Turquia

 Sumário

MAPA

MAPA

Como Exportar Turquia

 Sumário

DADOS BÁSICOS Área: 779.452 km² População: 73 milhões (2005 – estimativa) Densidade demográfica: 93 hab/km² (2005) População economicamente ativa: 26 milhões (2007) Principais cidades: Ancara (capital), Istambul, Izmir, Konya, Bursa, Adana, Antalya, Mersin Moeda: Lira Turca (TRL) Cotação da moeda: US$ 1,00 = TRL 1,17 (média estimada em 2007)

Composição do PIB: Agricultura e pecuária – 11,9% Indústria – 21,9% Serviços – 63,3% Taxa de crescimento do PIB: 2007 = 5,0% (estimativa) 2006 = 6,0% PIB per capita: US$ 5.559 (2007) Comércio exterior Importações: US$ 169,9 bilhões – CIF (2007) Exportações: US$ 107,1 bilhões – FOB (2007) Intercâmbio comercial Brasil-Turquia Exportações brasileiras: US$ 693,3 milhões – FOB (2007) Importações brasileiras: US$ 209,5 milhões – FOB (2007)

DADOS BÁSICOS

PIB (preços correntes): US$ 399,7 bilhões (2007)

Como Exportar



Turquia

1. Geografia A Turquia está localizada no sudeste da Europa, limitase a noroeste com a Bulgária e Grécia, ao norte com o Mar Negro, a nordeste com a Geórgia e Armênia, a leste com o Irã, ao sul com o Iraque, Síria e Mar Mediterrâneo e a oeste com o Mar Egeu. a) Distâncias Distâncias de Ancara a capitais de alguns países vizinhos e europeus Capital Atenas (Grécia) Sofia (Bulgária) Bucareste (Romênia) Damasco (Síria) Beirute (Líbano) Bagdá (Iraque) Teerã (Irã) Baku (Azerbaijão) Tbilisi (Geórgia) Moscou (Rússia) Lisboa (Portugal) Paris (França) Berlim (Alemanha)

Distância (km) 819,9 852,3 748,1 777,3 711,7 1.263,8 1.694,1 1.443,8 1.023,2 1.793,0 3.579,1 2.597,4 2.036,0

Fonte: Diretoria Geral de Estradas da Turquia.

Distâncias entre Ancara e as principais cidades turcas Cidade Adana Antalya Bursa

Distância (km) 490 545 382

Denizli Diyarbakir Gaziantep Iskenderun Istambul Izmir

478 912 672 682 453 580

Fonte: Diretoria Geral de Estradas da Turquia.

b) Clima Embora esteja situada em ampla área geográfica do Mediterrâneo, onde as condições climáticas são bastante temperadas, o caráter diversificado da paisagem e, sobretudo, a existência das montanhas que acompanham a faixa litorânea resultam em significativas diferenças nas condições climáticas de uma região para outra. Embora as áreas costeiras gozem de climas mais amenos, o planalto central da Anatólia registra picos de calor no verão e frio no inverno, com limitada ocorrência de chuvas. Os litorais do Egeu e do Mediterrâneo apresentam inverno fresco e chuvoso, e verão de moderada secura. A precipitação anual nessas áreas varia entre 580 e 1.300 mm, dependendo do local. A costa do Mar Negro recebe o maior volume de precipitação. Sua porção ocidental recebe 2.200 mm de chuvas ao ano e é a única região da Turquia que registra chuvas o ano inteiro. As diversificadas regiões possuem climas distintos em razão da topografia irregular. Como os Montes Taurus ficam próximos à costa, as nuvens de chuva ficam impedidas de penetrar no interior do país e despeja a maior parte da água na área litorânea, quando as nuvens de chuva passam pelas montanhas e alcançam a Anatólia central, perdem qualquer força significativa para produzir chuva. Na região oriental da Anatólia a elevação das montanhas é superior a 2500-3000 metros. Os montes do Mar Negro ao norte e as montanhas do Cáucaso contêm as nuvens de chuva e, portanto, a área é de clima continental com invernos longos e extremamente frios. Temperaturas mínimas entre -30°C e -38°C são observadas

ASPECTOS GERAIS

I - ASPECTOS GERAIS

Sumário

Como Exportar



Turquia

Sumário

nas áreas montanhosas do leste, com possibilidade de permanência de neve no solo durante 120 dias do ano. No inverno faz um frio implacável, com a queda freqüente e intensa de neve. Os vilarejos de três regiões permanecem isolados por vários dias durante as tempestades de inverno. O verão é quente e seco, com temperaturas acima de 30°C. A primavera e o outono em geral são amenos, mas durante as duas estações ocorrem, com freqüência, períodos quentes e frios na região. A média de precipitação anual é em torno de 500-800 mm, ficando os volumes efetivos determinados pela elevação. Em Istambul e em torno do Mar de Mármara o clima é moderado (4ºC no inverno e 27ºC no verão). No inverno, entretanto, as temperaturas podem atingir níveis abaixo de zero graus. Na Anatólia Ocidental, há um suave clima mediterrâneo com temperaturas médias de 9ºC no inverno e 29ºC no verão. Na costa sul da Anatólia percebe-se as mesmas condições climáticas. O clima do platô da Anatólia é o estepe. Há uma grande diferença de temperatura entre o dia e a noite. A temperatura média é 23ºC no verão e –2ºC no inverno. O clima no Mar Negro é chuvoso e úmido (23ºC no verão, 7ºC no inverno). Na Anatólia Oriental e no sudeste da Anatólia ocorre um longo inverno, e a neve permanece no chão de novembro até o final de abril (a temperatura média no inverno é –13ºC e no verão, 17ºC).

Ancara Máxima Mínima Média

Jan 16,6 -21,2 0,4

Fev 19,9 -21,5 1,9

Mar 25,7 -19,2 6,0

Abr 30,3 -6,7 11,2

Mai 33,0 -1,6 15,9

Jun 37,0 5,0 19,9

Jul 40,8 6,8 23,4

Ago 39,0 7,2 22,9

Set 35,2 2,8 18,5

Out 32,2 -3,4 12,9

Nov 24,4 -8,8 6,6

Dez 18,0 -14,6 2,3

Istambul Jan Máxima 18,3 Mínima -7,9 Média 6,1

Fev 24,0 -8,0 5,9

Mar 26,2 -6,9 7,7

Abr 32,9 0,6 12,1

Mai 33,0 3,6 16,7

Jun 40,2 9,0 21,5

Jul 39,7 13,5 23,8

Ago 38,8 12,2 23,5

Set 33,6 9,2 20,0

Out 34,2 3,2 15,6

Nov 27,2 -1,0 11,2

Dez 21,2 -3,4 8,0

Izmir Máxima Mínima Média

Fev 23,5 -5,0 9,1

Mar 30,5 -3,1 11,7

Abr 31,8 0,6 15,9

Mai 37,5 7,0 20,8

Jun 41,3 10,0 25,7

Jul 42,6 16,1 28,1

Ago 43,0 15,6 27,4

Set 38,0 12,6 23,6

Out 36,0 5,7 18,9

Nov 28,6 0,0 13,7

Dez 25,2 -2,7 10,3

Jan 20,4 -4,0 8,9

ASPECTOS GERAIS

Temperaturas nas principais cidades, em °C

Como Exportar



Turquia

Adana Máxima Mínima Média

Jan 23,0 -4,2 9,7

Gaziantep Jan Máxima 19,0 Mínima -9,6 Média 3,4

Sumário

Fev 25,0 -6,4 10,4

Mar 30,3 -3,6 13,3

Abr 36,8 -1,3 17,5

Mai 40,6 5,6 21,7

Jun 41,3 13,7 25,6

Jul 44,0 16,8 28,3

Ago 43,8 16,8 28,4

Set 43,2 10,9 26,1

Out 39,4 4,8 21,6

Nov 33,3 -1,0 15,3

Dez 27,4 -3,5 11,1

Fev 21,0 -13,0 4,3

Mar 26,6 -11,0 8,2

Abr 32,8 -2,5 13,3

Mai 37,8 3,2 18,6

Jun 39,6 7,1 24,0

Jul 44,0 11,8 27,9

Ago 42,0 12,7 27,3

Set 38,6 6,4 22,8

Out 34,4 0,0 16,3

Nov 27,3 -7,0 9,3

Dez 22,2 -10,0 4,9

Fonte: Turkish State Meteorological Service.

2. População, centros urbanos e nível de vida

A Turquia realizou um censo geral em 2005, mas os resultados oficiais não foram publicados ainda. Estima-se que a população chegou a 73 milhões de pessoas em 2005. A característica mais importante da população turca é a quantidade de pessoas jovens, cerca de 64% da população tem idade entre 15 e 64 anos, 30% entre 0 e 14 anos e apenas 6% com mais de 65 anos. A Turquia figura entre os países com mais rápida taxa de urbanização do mundo. A região de Mármara se desenvolve com maior rapidez nas áreas de comércio e indústria e possui a população mais densa e concentrada. Ademais, a população concentra-se entre as margens dos rios e planícies adequadas à agricultura. A força de trabalho civil foi estimada em 22,7 milhões, ao final de 2002, e 26 milhões em julho de 2007. O setor de serviços tem maior participação na criação de empregos, sendo seguido pelo setor agrícola. População nas principais regiões, 1990 e 2003 Região Mármara Egeu Mediterrâneo Anatólia Central Mar Negro Anatólia Oriental Sudeste da Anatólia

1990 13.295.878 7.594.977 7.026.489 9.913.306 8.136.713 5.348.512 5.157.160

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

2003 17.365.027 8.938.781 8.706.005 11.608.868 8.439.213 6.137.414 6.608.619

ASPECTOS GERAIS

População

Como Exportar Turquia

 Sumário

População economicamente ativa, 2006 e 2007 (em mil habitantes) Descrição População economicamente ativa População empregada Taxa de desemprego

2006 25.508 23.257 8,8%

2007 26.043 23.747 8,8%

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

População empregada, por setor, 2006 e 2007 (em mil, acima dos 15 anos) Setores Agricultura Indústria Construção Serviços

2006* 6.854 4.413 1.406 10.584

Participação 29,5% 19,0% 6,0% 45,5%

2007* 6.804 4.443 1.523 10.976

Participação 28,7% 18,7% 6,4% 46,2%

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

Centros urbanos A Turquia possui 81 províncias administrativas. As principais cidades e sua população é a seguinte, de acordo com o censo geral, realizado em 2002: Cidade Istambul Ancara Izmir Konya Bursa Adana Antalya Mersin

População 10 milhões de habitantes 4 milhões de habitantes 3,4 milhões de habitantes 2,2 milhões de habitantes 2,1 milhões de habitantes 1,9 milhões de habitantes 1,7 milhões de habitantes 1,7 milhões de habitantes

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

Principais indicadores socioeconômicos A qualidade do ensino foi melhorada com a obrigatoriedade de 8 anos do ensino fundamental adotada em 1997. O ensino superior abrange todos os cursos após o nível secundário e tem duração de no mínimo dois anos. O sistema consiste em universidades

ASPECTOS GERAIS

* relativo ao mês de julho.

Como Exportar Turquia

10 Sumário

(51 estaduais e 24 particulares) e institutos não-universitários. Taxa de escolaridade pelo nível educacional Nível educacional Ensino fundamental Ensino médio Ensino superior

2004-2005 89,66% 54,87% 16,60%

2005-2006 89,77% 56,63% 18,85%

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

Os números mais recentes do último trimestre de 2007 mostraram que a taxa de desemprego chegou a 10,1%. No mesmo período do ano anterior, a taxa de desemprego foi de 9,6%. Na indústria privada manufatureira, a queda dos salários em unidades reais persistiu e caíram 8,1% no segundo trimestre em comparação com o mesmo período do ano passado. O baixo nível salarial em unidades reais diminui a pressão do custo nos preços. Igualmente, contribuiu favoravelmente para o desempenho das exportações através do apoio da concorrência da indústria de manufatura. A expectativa é de que a taxa de aumento na produtividade declinará no próximo período, paralelamente com a diminuição prevista nas atividades econômicas. A queda dos salários em unidades reais será mais suave quando comparada aos períodos precedentes, devido ao provável aumento do salário real. O reajuste de salário dos funcionários públicos para 2007 cobriu a diferença entre a inflação e o aumento de salário durante o ano 2006, bem como os aumentos salariais de 4% para funcionários públicos de baixos salários e de 3% para funcionários públicos de maior salário, para cada semestre. Acredita-se que a política salarial poderia impedir o processo de deflação, especialmente no setor de serviços, levando-se em consideração os aumentos salariais para 2007, que estavam acima da meta inflacionária. Relações de trabalho (em mil pessoas) Descrição Julho 2006 Julho 2007 Quantidade % Quantidade % Empregado regular 11.019 47.4 11.602 48,9 Empregado casual 1.187 8,1 1.988 8,4 Empregador 1.270 5,5 1.266 5,3 Autônomo 5.270 22,7 5.155 21,7 Trabalhadores domésticos não assalariados 3.812 16,4 3.737 15,7 Total 23.257 100,0 23.747 100,0 Fonte: Instituto Estatístico Turco.

ASPECTOS GERAIS

Emprego

Como Exportar Turquia

11 Sumário

Produção dos principais bens de consumo duráveis Produto Quantidade Variação anual (%) 2004 2005 2006 2004 2005 2006 Refrigerador 4.863.762 5.098.866 6.223.527 18,0 4,8 22,1 Máquina de lavar 4.057.729 4.433.810 5.410.212 68,2 9,3 22,0 Fogão 1.823.429 5.857.179 6.845.577 13,4 221,2 16,9 Aspirador de pó 1.017.318 1.206.693 1.486.638 65,8 18,6 23,2 Máquina de costurar 22.511 0 0 153,3 0 0 Televisor 20.345.757 20.792.058 18.283.948 35,3 2,2 -12,1 Video - 1.540 11.518 916,4 -98,4 647,9 Aparelhos de som 178.604 0 0 153,3 - Lava-louças 660.753 783.278 1.192.314 65,6 18,5 52,2 Fonte: Instituto Estatístico Turco.

Transportes A Turquia, situada no ponto de encontro de importantes rotas comerciais entre a Europa e a Ásia, possui muitas rodovias entre o Ocidente e o Oriente que passam por seu território. O setor de transportes tem importância primordial na economia do país e é composto por atividades de transporte terrestre, marítimo, aéreo, ferroviário, bem como por sistemas de dutos de gás natural entre a Turquia e a Rússia e entre a Turquia e o Irã, e um oleoduto entre a Turquia e o Iraque. Rede rodoviária Investimentos realizados para melhorar o sistema rodoviário resultaram no predomínio das rodovias no transporte de carga de passageiros. Como resultado da melhoria da rede rodoviária, a importância relativa das rodovias aumentou. A rede rodoviária chega a 63.220 quilômetros em 2002, dos quais 1.851 são vias expressas. Aproximadamente 95% do transporte de passageiros e 90% do transporte de bens é realizado por transporte rodoviário. O número de unidades em transporte doméstico é 9.520, e de 2.037 em transporte internacional. O transporte internacional de bens é realizado por 67.971 veículos, com uma capacidade total de 1.067.000 toneladas.

ASPECTOS GERAIS

3. Transportes e comunicações

Como Exportar Turquia

12 Sumário

Extensão das estradas estatais e provinciais de acordo com o tipo de superfície (em Km) Tipo Concreto asfáltico Tratamento de superfície Brita Estabilizada Terra Primária Extensão total

2004 7.030 50.461 136 2.236 1.214 737 61.814

2005 7.080 50.302 133 2.207 1.329 888 61.939

2006 7.204 50.159 135 2.132 1.226 908 61.764

Fonte: Diretoria Geral de Estradas da Turquia.

Tipo de transporte 2003 2004 2005 Ton./km Passageiro/km Ton./km Passageiro/km Ton./km Passageiro/km Rodoviário 152.163 164.311 156.853 174.312 166.770 181.983 Marítimo 5.400 22 - - - Ferroviário 8.669 5.878 9.417 5.237 9.152 5.036 Aéreo 276 2.752 321 3.223 392 3.992 Fonte: Diretoria Geral de Estradas da Turquia. Ferrovia Estatal Turca. Diretoria Geral Marítima da Turquia. Diretoria Geral de Linhas Turcas de Transportes de Cargas. Diretoria Geral de Companhias de Transporte Aéreo Turcas.

Extensão de estradas, vias expressas, ferrovias e oleodutos (em km) Descrição Oleodutos petrolíferos Oleodutos para gás natural Estradas estatais Estradas provinciais Estradas municipais Vias expressas Ferrovias

2003 2.112 245 31.358 30.133 365.171 1.882 8.697

2004 2.112 245 31.446 30.368 285.739 1.892 8.697

2005 2.112 232 31.171 30.568 285.632 1.775 8.697

Fonte: Diretoria Geral de Oleodutos Petrolíferos da Turquia e Companhia de Petróleo Turco. Diretoria Geral de Estradas da Turquia. Ferrovia Estatal Turca.

ASPECTOS GERAIS

Transporte de carga e passageiros (2003-2005)

Como Exportar Turquia

13 Sumário

Rede ferroviária As estradas de ferro são de propriedade do governo e operam por meio da Turkish State Railways (TCDD). Os investimentos neste setor têm como meta a melhoria dos padrões, de forma tal que o transporte ferroviário possa se tornar uma alternativa competitiva ao transporte rodoviário e aéreo. Com os projetos que já estão encaminhados e com os que serão implementados nos anos próximos (2006-2008), o comprimento da linha principal eletrificada aumentará de 1.920 km para 2.990 km (1.070 km para ferrovia de alta velocidade). Neste respeito, a percentagem de linhas principais eletrificadas de todas as linhas principais crescerá de 22% para 34%. Em termos da sua frota, a TCDD tem 457 linhas principais, com 68 desvios, 73 locomotivas elétricas, 87 locomotivas, 49 locomotivas movidas a diesel, 16.004 vagões de carga e 993 vagões de passageiros. A rede ferroviária tem 10.984 km dos quais 2.305 são eletrificados. O número total de passageiros transportados foi de 76,7 milhões e 17,7 milhões de toneladas de carga foram transportadas em 2004.

Tipo de linha Linha suburbana Linha principal

2003 49.522 27.471

2004 50.590 26.166

2005 52.495 23.811

Fonte: Ferrovia Estatal Turca.

Rede hidroviária A Turquia, país rodeado por mares em três lados, dá grande ênfase ao desenvolvimento portuário e ao transporte marítimo. Possui 8.333 quilômetros de faixa litorânea, 15 portos estatais principais, cerca de 50 desembarcadouros municipais, 35 desembarcadouros especiais pertencentes a complexos industriais e uma série de desembarcadouros e cais privados. Os portos estatais de Samsun, Haydarpasa (Istambul), Derince, Bandirma-Izmir, Mersin e Iskenderun são operados pela Turkish State Railways. Grande parcela do tráfego de cargas é movimentada por esses portos.

Marinha mercante A atividade de marinha mercante cresceu rapidamente no final da década de 70 e inicio dos anos 80. Embora a capacidade da frota marítima turca, que era de 2 milhões de TPB (toneladas de porte bruto) em 1980 alcançou 6 milhões de TPB nos primeiros quatro anos da década de 80 em conseqüência das medidas implementadas. A tonelagem transportada pela Turkish Cargo Lines (Frota Marítima) alcançou um valor de 7,6 milhões TPB no final de 2004. Os principais portos são Istambul, Esmirna, Ismit, Samsun, Trabzon, Mersin e Iskenderun, que oferecem instalações modernas com uma infra-estrutura avançada.

ASPECTOS GERAIS

Transporte de passageiros por ferrovias

Como Exportar Turquia

14 Sumário

Carga e descarga nos principais portos turcos, em toneladas (2006) Porto Aliaga Ambarli Botas Gemlik Iskenderun Istambul Izmir Ismit Kdz Eregli Mersin Outros Total

Carga 11.757.327 7.242.760 5.369.416 2.803.725 3.886.298 1.801.446 8.103.939 12.196.585 2.711.416 7.035.734 15.000.179 77.908.825

Descarga 23.045.260 15.656.130 10.018.823 5.380.165 12.469.982 4.543.505 4.039.550 36.262.250 9.647.018 9.311.711 130.374.394 154.539.643

Trânsito 636.982 70.824 4.659.363 439.117 106.097 2.119.678 10.573 2.396.631 - 172.868 10.612.133 11.144.059

Total 35.439.569 22.969.714 20.047.602 8.623.007 16.462.377 8.464.529 12.154.062 50.855.666 12.538.434 16.520.313 203.895.273 243.592.527

Fonte: Ministério dos Transportes da Turquia.

Nome do porto Província Capacidade (milhões tons/ano) Hopa Artvin 1,4 Rize Rize 0,8 Trabzon Trabzon 4,0 Giresun Giresun 1,4 Ordu Ordu 1,0 Samsun Samsun 2,2 Sinop (Iskele) Sinop 0,3 Inebolu Kastamonu 1,2 Bartin Bartin 1,5 Derince Kocaeli 1,5 Istambul Istambul 5,0 Bandirma Balikesir 3,0 Tekirdag Tekirdag 2,6 Gokçeada Kuzu Çanakkale 1,0 Izmir Izmir 5,0 Antalya Antalya 2,5 Mersin Içel 7,0 Iskenderun Hatay 3,3 Total 44,7 Ministério dos Transportes da Turquia.

ASPECTOS GERAIS

Capacidade operacional dos portos (final de 2006)

Como Exportar

Transporte aéreo A Turquia possui aeroportos com vôos internacionais e domésticos, sendo os principais terminais internacionais: Istambul (Atatürk), Ancara (Esenboga), Izmir (Adnan Menderes), Dalaman e Antalya. Há um total de 33 aeroportos, de diferentes portes, de aviação civil. O número de linhas aéreas internacionais em operação na Turquia aumenta a cada ano. As principais empresas aéreas internacionais em operação no país são: • Pegasus Airlines • Air Alfa • Air Algeria • Air France • Air Moldova • Asiana Airlines • Austrian Air • British Airways • Delta • Egypt Air • Iberia • Iran Air • Kazakhstan Air • Kuwait Air • Lufthansa • Malaysia Air Há também vôos regulares entre a Turquia e os países da Europa, do Oriente Médio, Índia e Paquistão, mas não há empresas aéreas regulares de transporte de cargas entre a Turquia e aqueles países. As cargas são transportadas sob encomenda, mas cada uma das empresas citadas também transporta mercadorias se sua capacidade permite. Com a construção do novo terminal do Aeroporto de Atatürk, em Istambul, em janeiro de 2000, seguindo o modelo BOT, sua capacidade aumentou em 4 milhões de passageiros/ano. Atualmente, essa capacidade é de 14 milhões de

Sumário

passageiros/ano. Juntamente com o novo aeroporto de Sabiha Gökçen, no litoral asiático do Bósforo, os aeroportos de Istambul têm capacidade para movimentar 17 milhões de passageiros por ano. A empresa aérea turca estatal Turkish Airlines (THY) opera em nível doméstico e internacional, e posiciona-se com mais de 50% da frota aérea turca e da capacidade de assentos. No que tange ao transporte das linhas aéreas, as empresas privadas receberam autorização para estabelecer e operar frotas próprias. Mesmo com 13,7 milhões de passageiros transportados por empresas aéreas em 1990, esse número chegou a 34,2 milhões em 2001. Havia 15 empresas públicas e privadas, e 135 aeronaves com capacidade total de 23.000 assentos. Todas as regulamentações internacionais relativas a operações regulares de linhas aéreas são totalmente aplicáveis, mas há algumas restrições para serviços de linhas aéreas fretados.

ASPECTOS GERAIS

Turquia

15

Como Exportar Turquia

16 Sumário

Movimento operacional do transporte aéreo Ano Carga aérea Doméstico 2002 181.198 2003 188.936 2004 262.647 2005 315.858 2006 373.055 2007 414.192

(ton) Número de passageiros Internacional Doméstico Internacional 698.935 8.700.839 25.054.613 742.255 9.128.124 25.296.216 860.461 14.438.292 30.596.297 933.697 20.502.516 35.042.957 973.934 28.799.878 32.884.325 1.131.833 31.970.874 38.381.993

Fonte: Diretoria Geral da Aviação Civil - Ministério dos Transportes da Turquia.

Atualmente, a Türk Telekom é a única prestadora autorizada de serviços de telecomunicações na Turquia, à exceção da GSM. No campo de operadoras privadas de telefonia celular, a Turkcell, a Telsim, a Aria e a Aycell foram licenciadas. A expansão da GSM - Sistema Numérico de Comunicação Móvel prossegue em ritmo acelerado. O número de assinaturas no primeiro semestre de 2002 da telefonia celular alcançou 20 milhões. A densidade do total de telefones celulares chegou a 29%. A Rede Telefônica Pública Comutada (RTPC) possui 21,6 milhões de linhas de acesso instaladas, das quais 18,9 milhões estão em operação. A taxa de digitalização dos sistemas de comutação alcançou o patamar de 89%. A meta de densidade telefônica para 2005 é de 35%. A Türk Telekom é acionista da Intelsat Ltd., da Eutelsat S.A. e da Inmarsat Ventures Plc. Tendo iniciado as atividades de comunicação por satélite com a ativação de sua primeira estação terrestre em 1979, a Turquia implementou seu próprio sistema de satélites de comunicação, o TÜRKSAT e está em funcionamento desde 1994. O TÜRKSAT- 1B é usado primordialmente para transmissões de programas de TV e rádio. Também é utilizado em comunicações telefônicas e serviços de transmissão de dados dos VSAT nacionais. O segundo satélite, o TÜRKSAT – 1C, entrou em funcionamento em setembro de 1996.

4. Estrutura política e administrativa A Turquia é um estado unitário, governado por uma democracia parlamentarista. Os poderes soberanos são o Legislativo, o Executivo e o Judiciário. O princípio da “separação dos poderes” é observado. Legislativo: o Poder Legislativo fica a cargo da Grande Assembléia Nacional da Turquia. A Assembléia é composta por 550 parlamentares eleitos pelo voto direto dos cidadãos a cada cinco anos. Executivo: O Poder Executivo é exercido pelo Presidente da República e pelo Conselho de Ministros. O Presidente da República é o Chefe de Estado e fiscaliza o funcionamento dos órgãos do Estado. O Presidente é eleito para um mandato de sete anos pela Grande Assembléia Nacional da Turquia, escolhido entre seus próprios membros ou entre cidadãos

ASPECTOS GERAIS

Comunicações

Como Exportar

habilitados para o cargo. O Conselho de Ministros é formado pelo Primeiro-Ministro e demais ministros, nomeado pelo Presidente da República e escolhido entre os membros da Grande Assembléia Nacional da Turquia. Os Ministros são designados pelo Presidente da República, selecionados entre os membros da Grande Assembléia Nacional da Turquia, ou entre aqueles habilitados para o cargo. Judiciário: O Poder Judiciário funciona por meio dos tribunais e juízes independentes . A Constituição dividiu os órgãos do Judiciário em legais, administrativos e especiais. Os órgãos legais e administrativos enquadram-se em dois níveis. Os órgãos especiais do Judiciário são os tribunais militares e os tribunais de segurança do Estado. O Tribunal Constitucional, o Superior Tribunal de Recursos, o Conselho de Estado, o Supremo Tribunal Militar de Recursos, o Supremo Tribunal Administrativo Militar de Recursos e o Tribunal de Conflitos Jurisdicionais são considerados os “Supremos Tribunais” pela Constituição. O Conselho Supremo de Juízes e Promotores Públicos e o Tribunal de Contas são as duas instituições privadas no âmbito do Judiciário. A Turquia possui um sistema multipartidário. A distribuição de cadeiras no Parlamento, após a última eleição ocorrida em 22 de julho de 2007, é a seguinte: - Partido da Justiça e Desenvolvimento; - Partido Popular Republicano; - Partido do Movimento Nacional Principais órgãos do Governo Ministérios e principais órgãos com funções econômicas 1

O Direito Penal é fortemente baseado no direito da Itália, o

Direito Administrativo, no da França, e os Códigos Civis, nos da Suíça. Atualmente, a Turquia tenta incorporar as normas da União Européia ao seu sistema juríco.

Sumário

• Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais • Ministério da Energia e Recursos Naturais • Ministério da Fazenda • Ministério da Silvicultura • Ministério da Indústria e do Comércio • Ministério do Turismo • Ministério dos Transportes • Subsecretaria de Comércio Exterior • Diretoria-Geral de Zonas Francas • Subsecretaria do Tesouro • Diretoria-Geral de Investimento Externo • Subsecretaria de Alfândega • Gestão de Privatização • Banco Central • Comissão de Planejamento do Estado • Instituto Estatístico Turco (TURKSTAT) • Banco Turco de Fomento às Exportações e Importações • Organização para o Desenvolvimento de Pequenas e Médias Indústrias (KOSGEB) • Conselho de Mercados de Capitais (SPK) • Bolsa de Valores de Istambul (IMKB) Estrutura administrativa As instituições administrativas da Turquia podem ser classificadas em três grupos: - Administração central; - Autoridades locais; - Outras instituições e organizações. Administração central: representa as organizações que compõem a principal estrutura administrativa do Estado. É composta por dois níveis: as organizações centrais de administração de Ancara e a administração provincial. Autoridades locais: são entidades democráticas estabelecidas fora da administração central para o cumprimento de serviços públicos locais. Outras instituições e organizações: Além da administra-

ASPECTOS GERAIS

Turquia

17

Como Exportar

ção central e das autoridades locais, existem unidades administrativas. Existem três tipos de autoridade local na Turquia: • Administrações Provinciais Especiais; • Municipalidades; • Aldeias. Administrações Provinciais Especiais: são administrações de campo com incumbências nas regiões situadas além das fronteiras municipais, no âmbito das respectivas províncias. Uma vez criada uma província, que é o agente do governo central, a administração provincial especial, que é a autoridade local, é automaticamente criada também. Municipalidades: autoridade local com atuação em áreas de densa população. É possível instituir municipalidades nos assentamentos de mais de 2.000 habitantes, de acordo com a lei. Ademais, a existência de administrações municipais em centros provinciais e distritais é compulsória, independentemente de suas populações. Em nosso sistema administrativo, além de municipalidades comuns, há municipalidades metropolitanas e distritais. Aldeias: são assentamentos tradicionais onde a administração municipal ainda não foi criada. Em geral, os pequenos assentamentos, juntamente com suas propriedades, vinhas e pomares, e campos aráveis, constituem aldeias.

5. Organizações e acordos internacionais A Turquia é membro das seguintes organizações: • Nações Unidas e seus organismos; • Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio (GATT); • Fundo Monetário Internacional (IMF); • Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD - Banco Mundial); • Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE);

Sumário

• Corporação Financeira Internacional (CFI); • Organização Mundial de Saúde (OMS); • Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN); • Organização Internacional do Trabalho (OIT); • Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA); • Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA); • Associação Internacional de Desenvolvimento (IDA); • Organização Marítima Internacional (IMO); • Comitê Olímpico Internacional (COI); • União Internacional de Telecomunicações (UIT); • União Aduaneira (CU); • Conselho da Europa; • Banco de Compensações Internacionais (BIS); • Conselho de Cooperação Econômica do Mar Negro (BSECC); • Conferência Européia dos Correios e Telecomunicações; • Conferência para a Segurança e a Cooperação na Europa (CSCE); • Organização de Cooperação Econômica (ECO); • União Européia de Radiodifusão; • Centro Islâmico para o Desenvolvimento do Comércio (ICDT); • Organização da Conferência Islâmica (ICO); • Comitê Permanente para a Cooperação Econômica e Comercial (COMCEC); • União Postal Universal (UPU); • Conselho Mundial de Igrejas; • Organização Meteorológica Mundial

ASPECTOS GERAIS

Turquia

18

Como Exportar

II - ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

1. Conjuntura econômica Faz sete anos que Turquia está implementando um programa econômico apoiado pelo FMI. A validade do último acordo stand-by foi até o final de maio de 2008. Porém, parece que as relações entre o Fundo e a Turquia continuarão durante mais alguns anos, mas provavelmente não na forma stand-by. Pela segunda vez desde 1991, depois das eleições gerais de novembro de 2002 e julho de 2007, a Turquia teve um governo unipartidário que desfrutou de uma maioria de quase dois terços no Parlamento. A estabilidade política facilitou a tomada de decisões duras, mas necessárias para a economia. As metas principais do governo turco são reduzir ainda mais a inflação e a dívida doméstica e externa e crescer de forma sustentável e rápida. As metas macroeconômicas do governo foram 5% de crescimento e 4% de inflação para 2007. Porém, o Presidente do Banco de Central Turco, em sua declaração no final de outubro de 2007, declarou que a taxa inflacionária estaria entre 6,7-7,9% no encerramento do ano. A estimativa oficial da taxa inflacionária para 2008 é 5,5%. A disciplina fiscal é um das principais prioridades dentro do programa de estabilização apoiado pelo FMI. Com essa finalidade, a meta estimada de superávit primário do setor público de 6,5% do PNB, em 2007, era de suma importância para criar confiança no programa. Embora a expectativa fosse de que esta meta não seria alcançada, principalmente devido ao excesso de despesas públicas em ano de eleição. Para 2008, a meta de superávit primário foi fixada em 5,5% visando dar ao Governo maior liberdade de ação para manter a taxa de crescimento no nível almejado. Os principais problemas na economia são o déficit do comércio exterior e da conta corrente, junto com a taxa de desemprego.

Sumário

De acordo com os dados provisórios, de janeiro a agosto de 2007, as exportações cresceram 24,8%, e as importações cresceram 19,2%, em comparação com 2006. Quando comparado com o mesmo período de 2006, o déficit do comércio exterior cresceu 10,9%. Espera-se que o déficit de conta corrente seja de aproximadamente 35 bilhões de dólares. No orçamento de 2008, o déficit de comércio exterior é estimado em cerca de 65 bilhões de dólares e o déficit de conta corrente esperado é de aproximadamente 39-40 bilhões de dólares.

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Turquia

19

Como Exportar Turquia

20 Sumário

PIB Valores (US$ bilhões) Crescimento real %

2003 239,7 5,8

2004 302,0 8,9

2005 2006 2007(1) 362,6 403,5 492,5 7,4 6,1 3,9

Fonte: EIU – Economist Intelligence Unit, Country Report, Janeiro 2008. (1) Estimativa EIU.

População empregada por atividade econômica (mil pessoas) 2004 2005 2006 Atividade Nº pessoas Part. (%) Nº pessoas Part. (%) Nº Pessoas Part. (%) Agricultura 7.400 34,0 6.493 29,5 6.088 27,3 Indústria 3.988 18,3 4.281 19,4 4.407 19,7 Construção 1.029 4,7 1.171 5,3 1.267 5,7 Serviços 9.374 43,0 10.101 45,8 10.569 47,3 Fonte: Instituto Estatístico Turco.

Inflação Segundo o Instituto Estatístico Turco, o índice de preços ao consumidor aumentou 1,81% em outubro de 2007, e o crescimento no índice geral na base 2003=100 do índice de preços ao consumidor foi de 1,81% em relação ao mês anterior. Em relação a dezembro do ano anterior, o aumento foi de 6,08%, e em relação ao mesmo mês do ano anterior foi de 7,70%. Em relação à média dos 12 meses o aumento foi de 8,98%. O aumento mensal mais alto foi o do índice de vestimentas e calçados por principais grupos de despesa, e o maior aumento anual foi o do índice correspondente a alimentos e bebidas sem álcool. Registrou-se queda no índice geral na base 2003=100 do índice de preços ao produtor de 0,13%, em relação ao mês anterior, e um aumento em dezembro do ano anterior de 4,84%. No mesmo mês do ano anterior, a queda foi de 4,41% e, nas médias dos doze meses, de 7,23% em outubro de 2007. O aumento mensal mais alto no índice de preços ao produtor de atividades industriais foi registrado em 7,51% no índice para petróleo cru e produção de gás natural. Variação anual do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), 2004-2007 2004 8,6%

2005 8,2%

2006 9,6%

2007 8,8%

Fonte: IMF World Economic Outlook 2008.

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Produto Interno Bruto, 2003-2007

Como Exportar

2. Principais setores de atividade Produção florestal A área total da Turquia é de 78 milhões de hectares, dos quais 20,8 milhões são de área florestal. Por lei, 99% da área florestal são de propriedade do Estado. As florestas turcas ocupam posição fundamental no crescimento e desenvolvimento do país, além de serem importantes para as aldeias localizadas nas florestas. Enquanto a área de floresta per capita é de aproximadamente 0,62 hectares em todo o mundo, na Turquia esse número é de 0,15 hectares. Levando-se em consideração critérios de diversidade biológica, disponibilidade de água e vida silvestre, 4% das florestas nacionais são áreas protegidas. Esse valor é de 11% no resto do mundo. Cerca de 2% das plantações mundiais destinadas à produção industrial e conservação do solo são feitas na Turquia. Desde o fim de 2005, foram cultivados 2,52 milhões de hectares destinados à produção industrial e a cultivos que visam proteger o solo, incluindo 69 mil hectares em 2005. Enquanto isso, 90 mil hectares de áreas florestais foram perdidas em 19 mil incêndios na última década. Agricultura e indústria alimentícia A Turquia é um país de origem agrícola cuja produção do setor apresenta aumentos significativos a cada ano. Historicamente, o setor agrícola tem sido o maior empregador do país e o principal contribuinte para o crescimento industrial e de exportação do PNB. Porém, com o desenvolvimento do país, a agricultura perdeu importância em relação ao setor industrial, que cresce rapidamente. A Turquia é o maior produtor e exportador de produtos agrícolas nas regiões do norte da África e Oriente Próximo. A exportação de artigos agroindustriais era estimada em US$ 4,3 bilhões em 2006. Apesar de que dois terços do total de exportações fossem de produtos agrícolas antes de 1980, em 2006 a participação de produtos agrícolas e alimentícios foi

Sumário

de 9,4% e a participação de produtos industrializados foi de 90,6%. Devido às condições climáticas e ecológicas que ocorrem naturalmente, a Turquia tem os meios necessários para dominar o comércio mundial de muitos produtos agrícolas tradicionais. Junto com avelãs, sultanas, abricós secos e figos secos, que são produtos de exportação agrícolas tradicionais; cereais, legumes, flores de corte e pesca também têm importância significativa para a exportação agrícola turca. Utilizando as vantagens acima mencionadas, frutas e legumes processados, massas e produtos derivados da indústria de moagem, confeitaria de açúcar, chocolate e produtos do cacau, legumes, fumo e produtos do fumo são os setores mais promissores da agricultura e da agroindústria da Turquia. O país tem importante lugar entre outros países no que diz respeito à quantidade e qualidade de sua indústria de produção de óleo vegetal. Pecuária Apesar da elevada população de animais na Turquia, a produtividade permanece baixa. Enquanto que o peso de unidade de gado comum é de 270-280 kg em países desenvolvidos, é de apenas 180-190 kg na Turquia. A produção média de leite é de 5-6 mil kg por cabeça nos países desenvolvidos. Na Turquia, esse número é de 1,8-2 mil kg por cabeça. Segundo dados de 2005, de um total de 10,5 milhões de cabeças de gado, 43% e 22% são mestiços e puros, respectivamente. Ovelhas nativas têm relativamente baixa produtividade e representam 97% da população total de 23,3 milhões de ovelhas. Com a finalidade de produção e criação de raças de gado qualificadas foram realizados 1,5 milhões de procedimentos de inseminação artificial em 2005. Para 2006, este número foi estimado em 1,6 milhões. A produção de ração, que é o fator mais importante no que diz respeito à rentabilidade da pecuária bovina e ovina, não atingiu ainda níveis considerados suficientes e continua

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Turquia

21

Como Exportar Turquia

Avicultura Paralelamente à tendência em direção ao consumo de carne com menos colesterol, a popularidade e consumo doméstico do setor de avícola na Turquia aumentaram. O frango e os produtos derivados de peru são os produtos mais comercializados neste setor, embora eles também apresentem uma grande diversidade no que diz respeito a grupos de produtos, tais como inteiro ou em pedaços, pronto para comer, tipos de frios, tanto para uso doméstico como para exportação. Leite e indústria de laticínios O processamento do leite e a produção de laticínios em modernas plantas industriais existem há 35 anos. A Turquia é a maior produtora de leite e laticínios na região. Os saborosos e variados tipos de queijo fizeram da Turquia um dos provedores preferidos deste produto. Os produtos mais tradicionais, tais como o queijo Van Otlu (com ervas), queijo de Mihaliç, queijo Esmirna Tulum, queijo Erzincan Tulum, o queijo branco turco tradicional, e o queijo salgado Diyarbakır Örgü conquistaram mercados internacionais. Assim mesmo, o queijo mozarela e o queijo de Kashkaval têm importância especial no comércio exterior turco.

Sumário

Bebidas alcoólicas O setor cervejeiro é o mais dinâmico da indústria nacional do álcool e com certeza se beneficiou das mudanças nos hábitos de bebida. A produção de cerveja aumenta a cada ano na Turquia. Foram produzidos 905 milhões de litros em 2005. Esse crescimento foi o resultado do aumento do turismo no país e do consumo doméstico e internacional. O raki, uma bebida destilada turca tradicional com elevado teor alcoólico, é preparado com uvas. Essa bebida também é conhecida como “leite de leão” devido à sua cor branca quando misturada com água. Ocupa o segundo lugar na produção turca de bebidas alcoólicas, depois da cerveja. A Turquia tem diversidade de solos e climas, permitindo que os viticultores cultivem vários tipos de uvas para produzir diferentes tipos e sabores de vinho. Os empresários desse setor continuam aumentando a capacidade de produção de vinho e investem no uso de tecnologias modernas. Os tipos de vinho na Turquia são extensamente diversificados e, como resultado da melhoria na qualidade, muitas marcas turcas foram premiadas com medalhas de ouro em competições internacionais. Fumo e produtos do fumo A Turquia é a principal produtora de fumo de tipo oriental do mundo. Entre as principais colheitas industriais produzidas na Turquia, o tabaco é um artigo de exportação agrícola tradicional. A nova tendência do setor é a produção e exportação de produtos do fumo. Depois da introdução de investimentos estrangeiros no setor, a expectativa é que os produtos derivados do fumo acelerem o aumento nas exportações. Mineração Atualmente, 53 minerais diferentes são extraídos na Turquia. Os principais minerais são o borato, a cromita, a magnesita, o mármore, o granito, o perlito, a pedra-pomes, a barita, bentonita e feldspato. Os mais importantes produtos de

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

sendo necessário melhorar a qualidade e aumentar a quantidade e variedade da ração fornecida. Apesar da importância das providências tomadas visando a diminuição dos efeitos negativos de doenças animais e pestes em propriedades dedicadas à pecuária, é necessário aumentar a quantidade e qualidade de vacinas, bom como a produção de medicamentos e soros. O setor pecuarista da Turquia tem grande importância, não apenas para suprir a necessidade de produtos animais, mas também porque cria empregos permanentes e provê matéria-prima para as indústrias da carne e laticínios. Fornece, ainda, matéria-prima para as indústrias têxteis da seda e da lã, bem como para a indústria do couro.

22

Como Exportar Turquia

Indústria automotiva No que tange aos carros de passageiros e veículos utilitários pequenos, as montadoras turcas estão se tornando centros de produção mundial de gigantes produtores globais, com os quais elas têm acordos de licença. Há empresas que fabricam no país diversos tipos de veículos, tais como carros de passageiros, ônibus, caminhões, picapes, microônibus, ônibus de médio porte e reboques. Existem 12 fabricantes de veículos utilitários na Turquia. Seis empresas operam no setor de tratores agrícolas. Duas grandes companhias privadas são as principais produtoras e exportadoras do setor de tratores agrícolas na Turquia. A maioria das empresas fabricantes de veículos estão organizadas na Associação de Fabricantes de Automóveis (Otomotiv Sanayicileri Dernegi - OSD). Produção de veículos por tipo, 2004-2006 Tipo Carros de passageiros Caminhões Picapes Ônibus Microônibus Ônibus de médio porte

2004

2005

2006

447.152 31.790 301.563 4.839 28.161

453.152 37.227 349.885 5.406 26.162

545.682 37.026 369.862 6.019 20.728

9.903

7.109

8.263

Fonte: Otomotiv Sanayicileri Dernegi (OSD).

Sumário

Indústria de autopeças A Turquia, em anos recentes, desenvolveu uma indústria de componentes altamente competitiva que fornece produtos compatíveis com marcas como GM, Mercedes, BMW, Opel, Toyota, Fiat e Ford. A indústria turca de autopeças, com sua grande capacidade e ampla variedade de produção e altos padrões, é um elemento essencial para a indústria automotiva do país. Devido ao elevado potencial de exportação do setor e às vantagens regionais da Turquia, o setor de autopeças tem atraído investidores estrangeiros. A maioria dos líderes mundiais no setor constituiu joint ventures com empresas turcas. Indústria de motos, motocicletas pequenas e bicicletas À medida que aumenta a demanda doméstica, o setor de veículos de duas e três rodas se desenvolveu rapidamente. Atualmente, há cinco companhias produtoras de motos e motocicletas pequenas na Turquia (Beldeyama, Egemosan, Ramzey, Honda, Kuralkan). A capacidade total para motos e motocicletas pequenas é de 143.000. Três fabricantes receberam certificados ISO 9002. A indústria de bicicletas também é uma indústria bem desenvolvida na Turquia, satisfazendo a demanda doméstica e tendo também capacidade para exportar. Construção e mineração A construção é um dos setores fundamentais da Turquia, sendo um dos principais incentivadores de investimentos privados e públicos. Como resultado de reformas econômicas, a Turquia estabeleceu uma grande e forte indústria de construção em pouco tempo. Em 2005, novas licenças de construção alcançaram 99,4 milhões de m². Quando são incluídos os materiais de construção, o valor total supera os US$ 20 bilhões. Da população economicamente ativa da Turquia, 5% está empregada no setor de construção. O desenvolvimento da indústria de construção resultou em uma grande e diversificada produção do setor de mate-

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

mineração para exportação são bórax, cromita, magnesita e mármore. No âmbito mundial, a Turquia detém dois terços das reservas de borato do mundo, produz 6% da mineração mundial de cromita e possui 25 milhões de toneladas de reservas de cromita. A Turquia também tem 40% das reservas mundiais de mármore. Em anos recentes, foram desenvolvidos projetos visando a diversificação e melhoria de recursos no setor mineiro, com vistas a satisfazer com segurança as necessidades de matéria-prima e energia da indústria.

23

Como Exportar

riais de construção, criando um dinâmico setor de serviços de construção e engenharia, e, embora seja ainda jovem, um bem estabelecido setor de maquinário para extração de minério. O setor de maquinário de construção e mineração foi responsável por 6,5% da produção e 8% das exportações da indústria de maquinaria da Turquia. O crescimento do setor é bastante dependente do desenvolvimento do setor de construção. Atualmente, companhias turcas de construção e engenharia podem projetar, erguer, construir e operar quase todos os tipos de projetos civis e industriais, tais como: represas, usinas hidroelétricas e termoelétricas, plantas industriais, aeroportos e portos marítimos, oleodutos de petróleo e de gás natural em grande escala, plantas produtoras de fertilizantes, complexos petroquímicos e refinarias, auto-estradas, túneis, pontes, grandes projetos de moradia, hotéis e todos os tipos de edifícios sofisticados. No período de 1972-2006, aproximadamente 700 empreiteiros turcos completaram mais de 3.600 projetos em 65 países. O valor total dos projetos empreendidos no exterior por empreiteiros turcos foi de US$ 89 bilhões no mesmo período. Modernos equipamentos de produção, junto com a presença de novas tecnologias e métodos, têm sido fatores muito importantes para o desenvolvimento do setor de mineração da Turquia. O desenvolvimento desse setor, especialmente da produção de mármore, acelerou o crescimento do setor de maquinário para extração do produto. Indústria química e têxtil A indústria química turca, com sua moderna tecnologia e produtos diversificados, é o componente fundamental da indústria. O setor está inserido na cadeia de fornecimento de indústrias nacionais, especialmente, dos setores têxtil e automobilístico. Atualmente, a indústria têxtil e de vestuário estão entre os setores mais importantes da economia turca em termos de PNB em relação a emprego e exportações. A participação deste setor no PNB do país é de cerca de 10%. Existem cerca

Sumário

de 40 mil empresas e o setor emprega, aproximadamente, 1,9 milhões de pessoas. Como país produtor de algodão de alta qualidade, a Turquia tem uma integrada e diversificada produção em todos os subsetores da indústria têxtil e produz e exporta todos os tipos de fios, tecidos, roupas, além de vários produtos prontos. Energia A participação de recursos de energia natural da Turquia nas reservas mundiais é: carvão 0,6%, energia geotérmica 0,8%, e energia hidroelétrica 1%. No entanto, o petróleo e as reservas de gás natural são bastante limitados. A produção local de energia é responsável por aproximadamente 48% da demanda interna. Espera-se que a produção doméstica seja dobrada até 2010, principalmente a produção de carvão que, no momento, é responsável por quase a metade da produção total de energia. A produção de energia hidrelétrica também deverá dobrar no mesmo período. Os recursos energéticos primários produzidos na Turquia são: antracito, lignito, asfaltita, petróleo, gás natural e energia hidrelétrica e geotérmica. O lignito é a principal fonte da energia produzida no país. Quase 75% do lignito local é consumido pelas usinas termelétricas. A Turquia procura aproveitar sua vantajosa posição geográfica para prover sua crescente demanda de energia por meio desses recursos e desenvolve projetos para a construção de oleodutos para distribuir seus ricos recursos nos mercados mundiais. O país atende à sua demanda local de gás natural através de dois gasodutos da Rússia (um situado abaixo de Mar Negro e o outro passando pela Ucrânia, Romênia e Bulgária) e através de um gasoduto localizado entre o Irã e a Turquia. A produção de eletricidade na Turquia foi de 161.983,3 GWh em 2005. A energia térmica é a fonte de 74,4% da produção. A energia hidroelétrica é responsável pelo 24,5% da produção de energia. O carvão, o lignito e o carvão importado responderam por 26,6%; o óleo combustível por 6%; o gás

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Turquia

24

Como Exportar

Sumário

natural por 43,8% da produção termelétrica. A capacidade de produção de eletricidade instalada da Turquia cresceu 5% e alcançou aproximadamente 38.819,8 MWh em 2005. O consumo de eletricidade do país aumentou para 2.231 kwh/pessoa em 2005. O setor de energia turco é caracterizado pela forte presença do setor público e muitas empresas estatais desfrutam posições de monopólio. O setor de energia de Turquia é supervisionado pelo Ministério da Energia e Recursos Naturais (MENR).

3. Moeda e finanças Moeda A moeda oficial da Turquia é a Lira turca (TRL), dividida em 100 centavos. As taxas de câmbio da TRL são cotadas pelo Banco Central e corrigidas diariamente. Os bancos e casas de câmbio podem aplicar diferentes taxas. A Lira turca está entre as moedas conversíveis do FMI desde abril de 1990. Taxas de câmbio Lira turca/US$ (2003-2007) 2003 1,397

2004 2005 2006 2007 1,340 1,345 1,409 1,162

Fonte: EIU. The Economist Intelligence Unit, Country Report July 2008.

Balanço de pagamentos e reservas internacionais Balanço de pagamentos, US$ milhões (2005-2007) A. Balança comercial (líquido – fob) Exportações Importações B. Serviços (líquido) Receita Despesa C. Renda (líquido) Receita Despesa D. Transferências unilaterais (líquido) E. Transações correntes (A+B+C+D) F. Conta de capitais (líquido) continuação na próxima página

2005 -33.530 76.949 110.479 15.272 26.648 11.376 -5.799 3.684 9.483 1.454 -22.603 0

2006 -41.238 91.937 133.175 13.361 24.547 11.186 -6.584 4.473 11.057 1.687 -32.774 0

2007(1) -21.003 52.488 73.491 4.193 10.441 6.248 -3.407 3.021 6.428 605 -19.612 0

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Turquia

25

Como Exportar

26

Turquia

Sumário

G. Conta financeira (líquido) Investimentos diretos (líquido) Portfólio (líquido) Outros H. Erros e omissões I. Saldo (E+F+G+H)

43.687 8.723 13.437 21.527 2.092 23.176

45.794 19.136 7.373 19.285 -2.399 10.621

25.876 10.296 6.117 9.463 2.890 9.154

2004 35.798 14 175 1.625

2005 50.279 16 161 1.922

Fonte: FMI. International Financial Statistics, November 2007. (1) janeiro – junho.

Reservas internacionais, US$ milhões (2003-2007) Divisas conversíveis Direitos Especiais de Saque (DES) Posição de reservas no FMI Ouro

2003 33.419 30 167 1.553

2006 60.650 12 170 2.354

2007 73.070 50 178 3.117

Fonte: Banco Central da Turquia.

Sistema bancário Desde outubro de 2006, um total de 50 bancos - consistindo em 33 bancos comerciais, 13 de desenvolvimento e investimento e quatro bancos de participação - estão operando no setor bancário turco. Com a Lei n° 5.411, casas especiais de finanças estão incluídas em bancos e definidas como bancos de participação. Enquanto o número de bancos diminuiu na comparação com o final de 2005, devido à fusão entre Yapi Kredi Bank e Koçbank, o número de filiais aumentou de 6.568 para 7.014, e o número de pessoal cresceu de 138.724 para 145.251 durante o período de dezembro de 2005 até julho de 2006. No que diz respeito aos ativos, a participação dos cinco maiores bancos caiu de 61,4% para 58,5% em junho de 2006, em comparação com o final de 2005, enquanto que a dos 10 maiores bancos caiu de 82,9% para 81,7% no mesmo período. A participação de bancos privados em ativos totais cresceu de 58,3% para 59,5% e a participação de bancos de participação aumentou de 2,4% para 2,7%. A participação de bancos públicos caiu de 30,6% para 28,7% e a participação de bancos de desenvolvimento e investimento diminuiu de 3,2% para 3,1%. A estabilidade na economia, o início de negociações com a União Européia, as características do setor bancário turco que é um mercado emergente para muitos produtos financeiros, conjuntamente com seu potencial de crescimento, levaram ao aumento em investimentos realizados por bancos estrangeiros na Turquia nos últimos anos. A percentagem de bancos com mais de 50% de participação estrangeira aumentou de 5,1% para 5,8% nos primeiros sete meses de 2006. A participação estrangeira total no setor alcançou 16,9%, excluindo a participação na ISE (Bolsa de Valores de Istambul) e 33,2%, com a participação na ISE em outubro de 2006. Quando são levadas em consideração as fusões e aquisições cujas nego-

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

continuação da página anterior

Turquia

ciações continuam ou estão em processo de receber aprovação da “Banking and Regulation Supervision Agency” (BRSA), espera-se que a participação estrangeira no setor aumente. 33 bancos turcos têm participações de patrimônio líquido conjunta ou individual em 87 bancos e/ou outras instituições financeiras em 25 países. A Turquia uniu-se ao “SWIFT” em março de 1989 e, atualmente, há um processador regional em Istambul. Os bancos turcos começaram a emitir cartões de crédito em agosto de 1988, e há uma rápida expansão de caixas eletrônicos e terminais de ponto de venda no país.

27 Sumário

ECONOMIA, MOEDA E FINANÇAS

Como Exportar

Como Exportar Turquia

28 Sumário

III – COMÉRCIO EXTERIOR GERAL DO PAÍS

Devido à implementação do processo de liberalização desde a década de 1980, a economia e o comércio exterior da Turquia experimentaram um período de grande crescimento. A União Aduaneira estabelecida com a União Européia e a conclusão da Rodada do Uruguai são os principais fatores determinantes que moldam as políticas e diretrizes de comércio exterior da Turquia. A União Aduaneira incorpora a Turquia em um único mercado europeu, estendendo a maioria das convenções da União Européia sobre comércio e concorrência para a indústria turca. Em anos recentes, mudanças fundamentais e estruturais aconteceram no comércio exterior turco, que se refletiram nos principais elementos dos atuais regulamentos de importação e exportação. A participação da Turquia nas exportações mundiais aumentou de 0,706% em 2004 para 0,737% em 2007, enquanto que a sua participação nas importações mundiais aumentou de 1,089% em 2004 para 1,161% em 2007. As exportações totais da Turquia em 2006 foram de 85,5 bilhões de dólares. Em 2005, as exportações foram de 73,4 bilhões de dólares. Por outro lado, a importação total, que foi de 116,6 bilhões de dólares em 2005, cresceu para 139,5 bilhões de dólares. Aproximadamente 70% das importações são oriundas da importação de bens intermediários destinados a atender à demanda aumentada de produção industrial para exportação. No período de outubro de 2006 a setembro de 2007, pela primeira vez na história, as importações turcas ultrapassaram a marca dos 100 bilhões de dólares. A meta de exportação da Turquia para 2008 é de 117 bilhões de dólares, enquanto que se espera que as importações somem 182 bilhões de dólares. Comércio exterior da Turquia, 2004-2007 (em US$ milhões) Exportações (FOB) Importações (CIF) Saldo comercial Intercâmbio comercial

2004 62.989 97.340 -34.351 160.329

2005 73.451 116.562 -43.111 190.013

2006 85.492 139.480 -53.988 224.972

2007(1) 107.113 169.986 -62.873 277.099

Fonte: FMI – International Financial Statistics. (1) Última posição disponível. Nota: Os dados não coincidem, necessariamente, com aqueles apresentados no Balanço de Pagamentos em razão das diferentes modalidades de venda (fob e cif) e as distintas metodologias de cálculo.

COMÉRCIO EXTERIOR

1. Evolução recente

Como Exportar

29

Turquia

Sumário

2. Direção A análise das importações por grupos de países e países selecionados segue um padrão semelhante. Os países da OCDE são os parceiros comerciais mais importantes das importações da Turquia. Tal como acontece nas exportações, membros da UE são os principais provedores da Turquia entre os países da OCDE. A Alemanha, o Reino Unido, a Itália, os EUA, a França, a Espanha e a Rússia são os principais exportadores para a Turquia. Os últimos números referentes ao período de 2004-2006 revelaram que os parceiros comerciais da Turquia estão mantendo seu status no comércio exterior turco.

País Rússia Alemanha China Itália Estados Unidos França Irã Reino Unido Suíça Ucrânia República da Coréia Espanha Japão Romênia Bélgica Países Baixos Arábia Saudita Índia África do Sul Argélia Bulgária Suécia Brasil Subtotal Demais Países Total Geral

2005 12.870 13.260 6.868 7.561 5.375 5.884 3.470 4.690 4.054 2.641 3.479 3.550 3.107 2.285 2.231 2.142 1.889 1.279 1.260 1.693 1.190 1.426 797 93.360 23.202 116.562

% no total 11,0% 11,7% 5,9% 6,5% 4,6% 5,0% 3,0% 4,0% 3,5% 2,3% 3,0% 3,0% 2,7% 2,0% 1,9% 1,8% 1,6% 1,1% 1,1% 1,5% 1,0% 1,2% 0,7% 80,1% 19,9% 100,0%

Fonte: FMI – Direction of Trade Statistics, CD November 2007. (1) última posição disponível.

2006 17.806 14.743 9.657 8.653 6.258 7.236 5.626 5.134 4.013 3.058 3.552 3.831 3.215 2.669 2.476 2.158 2.252 1.578 1.793 1.865 1.662 1.487 934 111.655 27.825 139.480

% no total 12,8% 10,6% 6,9% 6,2% 4,5% 5,2% 4,0% 3,7% 2,9% 2,2% 2,5% 2,7% 2,3% 1,9% 1,8% 1,5% 1,6% 1,1% 1,3% 1,3% 1,2% 1,1% 0,7% 80,1% 19,9% 100,0%

2007(1) 23.506 17.548 13.224 9.967 8.145 7.832 6.614 5.471 5.269 4.518 4.369 4.342 3,703 3.113 2.869 2.655 2.440 2.300 2.172 2.108 1.950 1.716 1.173 137.002 32.984 169.986

% no total 13,8% 10,3% 7,8% 5,9% 4,8% 4,6% 3,9% 3,2% 3,1% 2,7% 2,6% 2,6% 2,2% 1,8% 1,7% 1,6% 1,4% 1,4% 1,3% 1,2% 1,1% 1,0% 0,7% 80,6% 19,4% 100,0%

COMÉRCIO EXTERIOR

Importações por principais países, 2005-2007 (em US$ milhões CIF)

Como Exportar

30

Turquia

Sumário

Por outro lado, a análise das exportações por grupos de países nos últimos cinco anos revela que quase dois terços das exportações turcas foram para os países da OCDE. A participação de países da UE varia entre 50 e 55%. A Alemanha é a parceira mais importante nas exportações da Turquia. Os EUA, o Reino Unido, a Itália, a França, Espanha e a Rússia são os outros principais importadores de bens turcos.

País 2005 Alemanha 9.455 Reino Unido 5.917 Itália 5.617 França 3.806 Rússia 2.377 Espanha 3.011 Estados Unidos 4.942 Romênia 1.785 Emirados Árabes Unidos 1.675 Países Baixos 2.470 Iraque 2.749 Grécia 1.127 Bulgária 1.179 Bélgica 1.292 Israel 1.467 Arábia Saudita 962 Ucrânia 821 Polônia 830 Irã 913 Argélia 807 Cazaquistão 460 Azerbaijão 528 China 550 Dinamarca 733 Brasil 103 Subtotal 55.913 Demais Países 17.538 Total Geral 73.451

% no total 12,9% 8,1% 7,6% 5,2% 3,2% 4,1% 6,7% 2,4% 2,3% 3,4% 3,7% 1,5% 1,6% 1,8% 2,0% 1,3% 1,1% 1,1% 1,2% 1,1% 0,6% 0,7% 0,7% 1,0% 0,1% 76,1% 23,9% 100,0%

Fonte: FMI – Direction of Trade Statistics, CD November 2007. (1) última posição disponível.

2006 9.684 6.813 6.752 4.604 3.238 3.721 5.100 2.350 1.986 2.539 2.589 1.602 1.568 1.381 1.529 983 1.121 1.060 1.066 1.021 697 695 693 827 122 64.056 21.437 85.492

% no total 11,3% 8,0% 7,9% 5,4% 3,8% 4,4% 6,0% 2,7% 2,3% 3,0% 3,0% 1,9% 1,8% 1,6% 1,8% 1,2% 1,3% 1,2% 1,2% 1,2% 0,8% 0,8% 0,8% 1,0% 0,1% 74,9% 25,1% 100,0%

2007(1) 11.994 8.626 7.479 5.975 4.727 4.580 4.217 3.651 3.241 3.018 2.812 2.262 2.061 1.736 1.658 1.486 1.481 1.437 1.387 1.232 1.080 1.046 1.039 1.088 230 79.464 27.649 107.113

% no total 11,2% 8,1% 7,0% 5,6% 4,4% 4,3% 3,9% 3,4% 3,0% 2,8% 2,6% 2,1% 1,9% 1,6% 1,5% 1,4% 1,4% 1,3% 1,3% 1,1% 1,0% 1,0% 1,0% 0,9% 0,2% 74,2% 25,8% 100,0%

COMÉRCIO EXTERIOR

Exportações por principais países, 2005-2007 (em US$ milhões – FOB)

Como Exportar

31

Turquia

Sumário

3. Composição 3.1. Exportações Nas exportações turcas, os bens de consumo industriais normalmente ocupam o primeiro lugar, com participação de 85-90%, seguidos de produtos agrícolas e de mineração.

Descrição Veículos automóveis, suas partes e acessórios Vestuário e seus acessórios, de malha Máquinas, aparelhos e materiais elétricos Caldeiras, máquinas e aparelhos mecânicos Ferro fundido, ferro e aço Vestuário e seus acessórios, exceto de malha Obras de ferro fundido, ferro ou aço Combustíveis minerais e óleos Frutas Outros artefatos têxteis Plásticos e suas obras Pérolas e outras pedras preciosas Preparações de produtos hortícolas, de frutas ou de outras partes de plantas Embarcações e estruturas flutuantes Algodão Sal, enxofre, terras e pedras Borracha e suas obras Fibras sintéticas ou artificiais Móveis Filamentos sintéticos ou artificiais Alumínio e suas obras Obras de pedra, gesso, cimento Produtos cerâmicos Tapetes Vidro e suas obras continuação na próxima página

2005 % do total 2006 % do total 2007(1) 9.566,4 13,02 11.882,1 13,89 8.976,3 6.590,4 8,97 6.935,7 8,11 4.616,0 5.423,3 7,38 6.312,8 7,38 3.757,0 5.246,4 7,14 6.502,3 7,60 4.909,7 4.973,5 6,77 6.268,4 7,33 5.023,5 4.862,4 6,62 4.707,3 5,50 3.033,0 2.731,4 3,72 3.327,4 3,89 2.273,3 2.641,1 3,59 3.571,7 4,18 2.522,1 2.501,0 3,40 2.380,4 2,78 1.148,7 1.969,7 2,68 1.919,5 2,24 1.156,3 1.722,1 2,34 2.208,4 2,58 1.536,3 1.325,8 1,80 1.752,6 2,05 1.121,5 1.281,5 1.251,6 1.179,6 1.124,1 1.008,6 963,2 958,3 894,1 875,6 753,6 683,5 670,0 631,5

1,74 1,70 1,61 1,53 1,37 1,31 1,30 1,22 1,19 1,03 0,93 0,91 0,86

1.117,5 1.397,8 1.337,2 1.146,5 1.191,9 1.033,5 1.095,5 1.035,9 1.229,9 889,1 690,3 742,7 678,9

1,31 1,63 1,56 1,34 1,39 1,21 1,28 1,21 1,44 1,04 0,81 0,87 0,79

592,2 909,9 891,7 745,6 901,5 607,5 776,6 696,1 920,1 595,4 461,6 486,7 461,3

COMÉRCIO EXTERIOR

Exportações da Turquia por capítulos selecionados, 2005-2007 (US$ milhões)

Como Exportar

32

Turquia

Sumário

Tabaco e seus sucedâneos manufaturados Papel e cartão Produtos hortícolas Cobre e suas obras Gorduras e óleos animais ou vegetais Produtos da indústria de moagem Sabões Produtos químicos inorgânicos Preparações à base de cereais, farinhas, amidos, féculas ou leite Obras de couro Produtos farmacêuticos Minérios, escórias e cinzas Outros Total

590,0 582,1 533,2 511,1 502,9 483,6 412,1 373,1

0,80 0,79 0,73 0,70 0,68 0,66 0,56 0,51

684,6 623,4 683,5 815,1 510,9 317,5 484,2 462,0

0,80 0,73 0,80 0,95 0,60 0,37 0,57 0,54

282,3 174,5 533,4 523,2 217,0 262,2 280,8 301,5

348,4 330,4 282,8 277,9 6.419,9 73.476,4

0,47 0,45 0,38 0,38 8,74 100,00

395,7 360,2 311,1 510,0 8.524,8 85.528,4

0,46 0,42 0,36 0,60 9,37 100,00

279,9 215,4 207,7 420,4 5.595,4 58.413,3

Fonte: Instituto Estatístico Turco. (1) janeiro-julho.

3.2 Importações Por outro lado, bens intermediários são os principais itens da pauta de importação, seguidos de bens de capital e de consumo.

COMÉRCIO EXTERIOR

continuação da página anterior

Como Exportar Turquia

33 Sumário

Descrição 2005 % do total 2006 % do total 2007(1) Combustíveis minerais e óleos 21.255,6 18,20 28.859,5 20,69 17.520,5 Caldeiras, máquinas e aparelhos mecânicos 16.400,3 14,04 18.976,9 13,61 12.279,3 Veículos automóveis, suas partes e acessórios 10.552,8 9,04 11.407,8 8,18 6.213,2 Máquinas, aparelhos e materiais elétricos 9.663,5 8,28 10.859,5 7,79 6.981,4 Ferro fundido, ferro e aço 9.457,8 8,10 11.523,9 8,26 9.178,5 Plásticos e suas obras 5.795,6 4,96 6.913,7 4,96 4.924,3 Pérolas e outras pedras preciosas 4.226,9 3,62 4.405,6 3,16 3.651,3 Produtos químicos orgânicos 3.531,6 3,02 3.638,8 2,61 2.250,2 Produtos farmacêuticos 2.849,3 2,44 3.024,3 2,17 1.940,0 Instrumentos e aparelhos de óptica 2.472,7 2,12 2.721,1 1,95 1.627,3 Algodão 2.079,3 1,78 2.086,9 1,50 1.667,1 Papel e cartão 1.766,5 1,51 2.040,5 1,46 1.381,3 Cobre e suas obras 1.458,4 1,25 2.468,3 1,77 1.768,3 Alumínio e suas obras 1.232,0 1,06 1.796,6 1,29 1.387,3 Borracha e suas obras 1.205,1 1,03 1.554,4 1,11 1.024,3 Obras de ferro fundido, ferro ou aço 1.184,6 1,01 1.486,8 1,07 989,4 Embarcações e estruturas flutuantes 1.166,0 1,00 317,5 0,23 502,1 Fibras sintéticas ou artificiais 1.137,7 0,97 1.347,1 0,97 1.073,2 Produtos diversos da indústria química 1.131,5 0,97 1.298,1 0,93 868,7 Extratos tanantes e tintoriais 1.124,6 0,96 1.287,1 0,92 875,7 Filamentos sintéticos ou artificiais 1.119,6 0,96 1.203,5 0,86 901,9 Madeiras e obras de madeira 795,4 0,68 934,7 0,67 650,5 Produtos químicos inorgânicos 779,9 0,67 881,2 0,63 597,4 Adubos ou fertilizantes 755,4 0,65 784,4 0,56 556,4 Gorduras e óleos animais ou vegetais 723,9 0,62 907,1 0,65 412,2 Sementes e frutos oleaginosos 697,7 0,60 616,0 0,44 543,0 Óleos essenciais e resinóides 530,7 0,45 628,8 0,45 416,1 Móveis 530,1 0,45 734,3 0,53 552,2 Peles e couros 473,4 0,41 565,5 0,41 368,9 Vidro e suas obras 442,3 0,38 535,5 0,38 333,2 Vestuário e seus acessórios, exceto de malha 433,4 0,37 579,3 0,42 438,6 Calçados, polainas e artefatos semelhantes, e suas partes 412,8 0,35 515,0 0,37 333,7 Lã, pêlos finos ou grosseiros, fios e tecidos de crina 410,4 0,35 417,3 0,30 288,5 continuação na próxima página

COMÉRCIO EXTERIOR

Importações da Turquia por capítulos selecionados, 2005-2007 (US$ milhões)

Como Exportar

34

Turquia

Sumário

continuação da página anterior

Obras diversas de metais comuns Minérios, escórias e cinzas Sabões Ferramentas de metais comuns Resíduos e desperdícios das indústrias alimentares Aeronaves Obras diversas Tabaco e seus sucedâneos manufaturados Outros Total

408,7 395,2 342,4 342,1 341,4 314,1 294,4 275,5 5.985,8 116.774,2

0,35 0,34 0,29 0,29 0,29 0,27 0,25 0,24 5,36 100,00

493,5 617,8 401,0 467,8 316,1 1.468,8 321,4 256,3 7.454,3 139.480,4

0,35 0,44 0,29 0,34 0,23 1,05 0,23 0,18 5,61 100,00

354,4 407,0 277,1 269,7 251,1 437,2 207,3 186,6 5.405,4 92.512,0

Fonte: Instituto Estatístico Turco.

COMÉRCIO EXTERIOR

(1) janeiro-julho.

Como Exportar

35

Turquia

Sumário

IV - RELAÇÕES ECONÔMICAS BRASIL - TURQUIA

O volume do comércio bilateral entre o Brasil e a Turquia tem oscilado nos últimos quatro anos. O volume de comércio, que era de apenas 395 milhões de dólares em 2003, aumentou para 530 milhões de dólares em 2004, para 667 milhões em 2005, 735 milhões em 2006 e no período de 2007 para 902 milhões de dólares. A balança do comércio bilateral sempre foi favorável ao Brasil e apresenta um aumento constante. O saldo comercial que era de 279,4 milhões de dólares em 2003 foi de 483,8 milhões de dólares em 2007. Um dos pontos mais interessantes no que diz respeito ao comércio bilateral turco-brasileiro é que existe uma semelhança nos produtos comercializados. As exportações, importações e a balança comercial e volume de comércio durante os quatro anos anteriores são mostrados na seguinte tabela. Intercâmbio comercial Brasil-Turquia, 2003-2007 (US$ mil, fob) Descrição Exportações Variação em relação ao ano anterior Part. (%) no total das exportações brasileiras Importações Variação em relação ao ano anterior Part. (%) no total das importações brasileiras Intercâmbio comercial Variação em relação ao ano anterior Part. (%) no total do intercâmbio brasileiro Saldo comercial

2003 337.191 64,3% 0,5% 58.050 -8,4% 0,1% 395.241 47,1% 0,3% 279.141

2004 453.621 34,5% 0,5% 76.436 31,7% 0,1% 530.057 34,1% 0,3% 377.185

2005 559.511 23,3% 0,5% 108.232 41,6% 0,1% 667.743 26,0% 0,3% 451.279

2006 590.292 5,5% 0,4% 145.593 34,5% 0,2% 735.885 10,2% 0,3% 444.699

2007 693.368 17,5% 0,4% 209.552 43,9% 0,2% 902.920 22,7% 0,3% 483.816

Fonte: MDIC/SECEX/Aliceweb.

Composição do intercâmbio comercial bilateral Exportações Os principais produtos das exportações brasileiras para a Turquia incluem: minérios, maquinário e equipamentos, produtos agrícolas e de caça, manufatura de metais básicos, automóveis.

RELAÇÕES ECONÔMICO-COMERCIAIS BRASIL-TURQUIA

1. Intercâmbio comercial bilateral

Como Exportar

36

Turquia

Sumário

Descrição (principais produtos e grupos de produtos) 2005 % 2006 % 2007 % no total no total no total Minérios, escórias e cinzas Minérios de ferro não aglomerados e seus concentrados Minérios de ferro aglomerados e seus concentrados Caldeiras, máquinas, aparelhos e instrumentos mecânicos Motocompressor hermético, capacidade< 4700 frigorias/hora Outros niveladores Bombas injetoras de combustível p/ motor diesel/semidiesel Fumo (tabaco) e seus sucedâneos manufaturados Fumo não manufaturado total ou parcialmente destalado, em folhas secas, tipo Virgínia Fumo não manufaturado total ou parcialmente destalado, em folhas secas, tipo Burley Plásticos e suas obras Polipropileno sem carga, em forma primária Polietileno linear, densidade
View more...

Comments

Copyright � 2017 SLIDEX Inc.
SUPPORT SLIDEX